Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Beja: Cidade Anti-Fascista”

Zé LG, 24.04.19

Lendias-768x432.jpgé o mote da Companhia de teatro Lendias d´Encantar para a celebração dos 45 anos da Revolução de Abril, que preparou várias iniciativas para “manter viva a memória (…)”. Concertos, teatro, performances e debates são as propostas da estrutura artística, agendadas para os dias 24, 25 e 26 de Abril.

António Revez, director artístico da Lendias d’Encantar, explicou que estas comemorações vêm no seguimento do “plano de actividades [da companhia] previsto para este ano”, que assentam na preservação da memória com as peças “No Limite da dor” e “Vidas Clandestinas”.

Leia também aqui.