Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
20
Jul 18

20180416223615905.jpg

O Projeto de Resolução, apresentado pelo PCP, tendo em vista a construção da 2ª fase do Hospital de Beja, foi aprovado por todos os partidos, com exceção do PS que se absteve, menos Pedro do Carmo que votou a favor. O projeto visa a construção da 2ª fase do Hospital de Beja, assim como a manutenção e ampliação das suas valências, que agora o governo está recomendado para investir 25 milhões de euros nestas obras.

publicado por Zé LG às 08:52
Muito bem. Veremos como se compabiliza isso com o negócio de Serpa.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 08:56
Compatibiliza.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 09:13
O Pedro do Carmo salvou a cara.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 09:37
Tudo para ingles ver.A saúde está a desmoronar-se enquanto SNS.Em Beja, então. ainda mais.O setor privado deixou de ser complementar do SNS para passar a viver das ineficiencias e estratégias publicas de drenagem de verbas do setor publico para o privado.
A organização e gestão do SNS estagnou ,contribuindo e pactuando com o estado instalado.
Daqui a uns tempos será tudo bem visível neste Baixo Alentejo.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 11:34
PSD e CDS hipócritas! O seu governo impôs a amputação de camas no Hospital de Beja!
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 09:40
E a gestão do PS nada tem feito em prol da saúde no Distrito.Tem sido uma bos coveira deste hospital.O equipamento do Serviço de imagiologia ainda não teve concurso com fim à vista, deve ser para os médicos irem trabalhar para Serpa e o hospital pagar.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 12:17
O problema não é necessitar ou tão pouco querer.
Agora o que também é verdade, é que não chega para umas coias, mas sobeja para outras. Como os bancos, o Hospital Central do Alentejo, o Aeroporto do Montijo, etc...

"Portugal não "aprende", o aviso é do FMI
O Fundo Monetário Internacional insistiu que é preciso criar mais almofadas financeiras e pediu para se manterem as reformas laborais recentes."

https://www.msn.com/pt-pt/financas/economia/fmi-criticou-ajustamento-orçamental-de-portugal/vi-AAAjZQy?ocid=spartandhp
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 10:23
Ampliar o quê e para quê se o Alentejo alegadamente vai ter um novo Hospital Central?
toino a 20 de Julho de 2018 às 18:52
Vamos todos para Évora! Património Universal... Deixamos Beja para a arqueologia.
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 19:09
E para o Cante e a boa comida!
Anónimo a 20 de Julho de 2018 às 21:22
E o que é que Beja tem a ver com o novo Hospital de Évora. Por essa ordem de ideias retrógradas, quer dizer que Beja nunca teria direito a um Sistema de Saúde de qualidade, teria que ir tudo para Évora, francamente de onde vem o Toino.
Anónimo a 22 de Julho de 2018 às 17:39
Dâââh!
Anónimo a 22 de Julho de 2018 às 17:50
Semana após semana se constata que as populações desistiram de ter vontade própria. Já não protestam, já não exigem. Deixaram toda a iniciativa nas mãos dos partidos. Será o Beja Merece Mais uma exceção?
Anónimo a 23 de Julho de 2018 às 12:12
Ou é do calor ou as pessoas andam anestesiadas. Até nas redes sociais. Inda agora o Dr. Frade lançou um manifesto no Facebook e as respostas são tímidas.
Anónimo a 23 de Julho de 2018 às 12:40
Está tudo em Montegordo...
Anónimo a 23 de Julho de 2018 às 12:43
É nestas épocas que os tiranos fazem coisas à socapa.
Anónimo a 23 de Julho de 2018 às 12:50
Esse Dr. ainda não percebeu que estão-se todos nas tintas?
Queirosiano2 a 23 de Julho de 2018 às 15:53
Ora aqui está a constatação de uma verdade insofismável. O BEJA MERECE + parece ser a única força que a região tem para fazer valer os seus interesses e as suas aspirações.

Daí o apelo às forças politicas e outras que tais, para que parem de atirar farpas a esse movimento cívico de cidadãos e que o respeitem e considerem. Além de que façam dele o seu símbolo e fator de união e agregação.

Longa vida e um obrigado a todas e a todos que nele militam.
Anónimo a 23 de Julho de 2018 às 12:44
O movimento, para ter maior impacto, deve perder preconceitos, nomeadamente contra os técnicos e intelectuais. Não basta ter expressão numérica importante. É preciso consistência, e isso se baseia no conhecimento concreto.
Ideólogo2 a 23 de Julho de 2018 às 15:57
Julho 2018
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
“Meter a cabeça na areia” é mais fácil pensamento!
Ora aqui está uma excelente ideia.Parece que a per...
Afinal a máquina que o Rocha adquiriu já está a fa...
Tens razão João, agora é mais Flamingos...
Podias era responder às questões que se colocam e ...
Bares de "Flamengo"? Asneira, pois claro.
https://entreasbrumasdamemoria.blogspot.com/2018/0...
Porra até que enfim! Ainda falta a marcação no pav...
Ena tanta gente preocupada que Beja venha a ser no...
É só fumaça.
Desculpe?? Debater com seriedade??Chamando aos out...
Falta assumirmos nós uma atitude pedagógica.
Só há problema quando há teimosa tenacidade “cultu...
Badamerda com o Hitler. E não tenho duvida alguma ...
blogs SAPO