Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
10
Jul 17

covite.png

publicado por Zé LG às 18:30
Nóvoa, o cidadão chama-se Nóvoa e não Névoa como escreveu, deliberadamente ou não.,,,
Anónimo a 10 de Julho de 2017 às 22:44
Névoa foi sempre um termo que se lhe associou, por algum motivo foi, e não me parece ter sido apenas por motivos prejurativos.
Trata-se de uma pessoa com um passado envolto em alguma "névoa", que para uns, os seus defensores acérrimos foi brilhante. Mas que não caiu no goto da maioria esmagadora do povo português.
Bem ao contrario do seu arquirival prof. Marcelo ou Martelo. Como preferirem. Embora ele ao contrário aqui deste interlocutor com o termo Névoa, em nada se preocupe com o trocadilho. Que por mero acaso, até é muito mais agressivo do que a névoa.
Anónimo a 10 de Julho de 2017 às 23:09
??????
Anónimo a 11 de Julho de 2017 às 00:01
Peço desculpa pelo engano, que justificou mais comentários do que o alvitre... Já corrigi.
Zé LG a 11 de Julho de 2017 às 00:13
Julho 2017
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Papel higiénico nas casas de banho para profission...
Assim se demonstra como um contraditório bem funda...
Subsídio de aspeto agradável, para quem precise.
Batas mais decotadas e de bainha curta...
Fluoxetina ao pequeno-almoço, antidepressivos em s...
No balcão do refeitório vai haver pratinhos com “p...
Em três palavras: pressão, desgaste e desmotivação...
O meu colega Pedro Moura, responsável pelo projto,...
A situação nacional nas instituições de Saúde está...
Então divulgue o diagnóstico da situação atual. Su...
Falar do que se não sabe e antes de nos informarmo...
Quem conheceu o que era o Hospital e em que se tra...
basta falar com os colaboradores e pedir opinião a...
Ao contrário das outras reivindicações, que são be...
Afinal, estamos dentro da média!
blogs SAPO