Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

António Costa apresentou novo Governo com poucas alterações e quatro ministros de Estado

Alexandra Leitão, Ana Mendes Godinho, Ana Abrunhosa, Maria do Céu Albuquerque e Ricardo Serrão Santos passam a ser ministros, enquanto Vieira da Silva, Capoulas Santos e Ana Paula Vitorino deixam o Governo. André Moz Caldas é o novo Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros.

Primeiro-Ministro – António Costa;
Ministro de Estado, da Economia e da Transição Digital – Pedro Siza Vieira;
Ministro de Estado e dos Negócios Estrangeiros – Augusto Santos Silva;
Ministra de Estado e da Presidência – Mariana Vieira da Silva;
Ministro de Estado e das Finanças – Mário Centeno;
Ministro da Defesa Nacional – João Gomes Cravinho;
Ministro da Administração Interna – Eduardo Cabrita;
Ministra da Justiça – Francisca Van Dunen;
Ministra da Modernização do Estado e da Administração Pública – Alexandra Leitão;
Ministro do Planeamento – Nelson de Souza;
Ministra da Cultura – Graça Fonseca;
Ministro da Ciência, Tecnologia e Ensino Superior – Manuel Heitor;
Ministro da Educação – Tiago Brandão Rodrigues;
Ministra do Trabalho, Solidariedade e Segurança Social – Ana Mendes Godinho;
Ministro da Saúde – Marta Temido;
Ministro do Ambiente e da Ação Climática – João Pedro Matos Fernandes;
Ministro das Infraestruturas e da Habitação – Pedro Nuno Santos;
Ministra da Coesão Territorial – Ana Abrunhosa;
Ministra da Agricultura – Maria do Céu Albuquerque;
Ministro do Mar- Ricardo Serrão Santos;

Secretário de Estado dos Assuntos Parlamentares – Duarte Cordeiro;
Secretário de Estado Adjunto do Primeiro-Ministro – Tiago Antunes;
Secretário de Estado da Presidência do Conselho de Ministros – André Moz Caldas

Alunas da Universidade de Évora vencem prémio com tenda biónica para refugiados

ue.jpgO concurso de melhores ideias de negócio Born from Knowledge 2019, promovido pela Agência Nacional de Inovação, atribuiu ao Nautilus, um projeto desenvolvido na Universidade de Évora, o prémio inovação na categoria “Materiais e Tecnologias Avançadas de Produção”.

Inês Secca Ruivo e Cátia Bailão Silva conceberam uma tenda biónica, que promete ajudar as pessoas em risco humanitário, mas que também poderá ser comercializada para o público em geral. A tenda Nautilus, além de ser um abrigo facilmente transportável, incorpora um tecido com propriedades hidrofílidas e hidrofóbicas, que permite a recolha, recuperação e conversão da humidade ambiental em água limpa e segura para ingestão, bem como seu armazenamento e transporte. Com um design atrativo, a tenda, para uma ou duas pessoas, é facilmente montada e desmontada, e, graças às suas alças ergonómicas, é perfeitamente transportável de forma confortável nas deslocações.

As mentoras do projeto, que teve início em 2015, com a tese de mestrado de Cátia Bailão Silva, perspetivam produzir e distribuir as tendas Nautilus em 2022.

Câmara de Castro Verde requalifica pavilhão desportivo

Pav-Castro-Verde-768x432.jpgA Câmara de Castro Verde já deu início às obras de requalificação do pavilhão desportivo. A intervenção está orçada em cerca de 350 mil euros e tem um período de execução de 180 dias.

A obra prevê “a substituição da cobertura, eliminando os inúmeros pontos de infiltração existentes, bem como o aumento do número de balneários, que passará dos actuais quatro para seis”, revela a autarquia.

Serão ainda beneficiados os pavimentos, revestimentos e louças sanitárias na zona de acesso ao público, bem como substituído o sistema de impermeabilização do terraço existente.

Esta intervenção tem um financiamento de cerca de 88.500 euros, no âmbito do contrato-programa de Beneficiação de Equipamentos Municipais (BEM), celebrado com a DGAL e a CCDR Alentejo.

Sines vai ter o Terminal XXI ampliado e o novo Terminal Vasco da Gama até 2024

O Governo estimou a criação até 2039 de 900 postos de trabalho no terminal XXI do Porto de Sines, na sequência de um investimento 660,9 milhões de euros do concessionário daquela infraestrutura portuária. A frente de cais do terminal, atualmente com 1.040 metros, passará a ter 1.950 e possibilitará a atracação simultânea de quatro navios porta-contentores de última geração

sines.jpg

O Governo anunciou o lançamento de um concurso público internacional para a concessão, por um prazo de 50 anos, em regime de serviço público, do novo terminal de contentores do Porto de Sines, designado por Terminal Vasco da Gama, uma obra orçada em 642 milhões de euros, que deverá estar concluída em 2024. O Governo acredita que possam ser criados 1.350 postos de trabalho diretos na fase de exploração.

Life LiveAdapt promove questionário sobre as alterações climáticas e a pecuária em regime extensivo

live.jpgEste é um projecto que preconiza a necessidade de adaptação às alterações climáticas dos modelos de produção de pecuária extensiva na Europa. O principal objectivo do projecto é a implementação de uma estratégia baseada em tecnologias e práticas inovadoras que permitam ao sector adaptar-se às alterações climáticas.
Com a realização do questionário pretende-se conhecer a opinião e a experiência dos proprietários de explorações de gado em regime extensivo em relação às alterações climáticas, e também como estas afectam a sua actividade, por isso, a colaboração dos produtores é fundamental.

Ceia da Silva afirma que o crescimento do turismo no Alentejo vai continuar

O presidente da ERT Alentejo considera que o Alentejo vive da sua identidade, dando vários exemplos e deixando claro que este é um dos motivos pelos quais se pode dizer que este não é um território de turismo de massas, mas sim aquele que tem cada vez mais crescimento em proveito, trazendo para as suas fronteiras um turista com mais apetência para as questões culturais e com mais poder de compra.

ceia da silva.jpgPara o presidente da Entidade Regional de Turismo, a certificação dos produtos turísticos alentejanos é o caminho mais sustentável para o futuro. Estão entre as apostas no turismo da região mais de 3000km percursos de cycling ou a recente divulgação nos caminhos de Santiago.

Cabo submarino vai ligar Sines a Fortaleza, no Brasil

sines.jpgA instalação de um cabo submarino transatlântico, num investimento de 170 milhões de euros, vai ligar Sines a Fortaleza, e a realização da primeira transmissão de dados está prevista para o final de 2020.

O cabo submarino passará ainda por Cabo Verde e pela ilha da Madeira, instalando uma capacidade de transmissão de dados de 73 terabits por segundo.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Dá jeito em todos os partidos, haver lacaios pront...

  • Anónimo

    Efectivamente é disso que se trata! Banalizam-se a...

  • Anónimo

    Exactamente! O "idiota útil", empurrado pelos "gra...

  • Anónimo

    totalmente de acordo. o Paulo Arsenio é um boy com...

  • Anónimo

    O Paulo Arsénio está ao serviço do PS, não contest...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds