Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
19
Out 08

é a forma como Reinhold Schweikert denomina a sua casa, localizada na Freguesia de Beirã (Marvão). Na verdade, "casa" é um conceito algo restrito para descrever a "Ilha Paradisíaca" da Família Schweikert, uma vez que se trata de um terreno de dois hectares que, no seu interior, viu nascer um verdadeiro mundo. É aqui que Reinhold, a mulher e os seus oito filhos vivem e de onde praticamente nunca saem, pois só aqui conseguem estar protegidos da poluição e dos problemas inerentes à civilização. No terreno, onde praticamente não existe tecnologia, a electricidade é produzida por energia solar e eólica, a água provém de furos e a alimentação provém das árvores, das plantas, da terra e dos animais. No entanto, esta família de origem alemã não ingere carne ou peixe e o mais insólito é que não cozinham os seus alimentos."

 

publicado por Zé LG às 20:14
Outubro 2008
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
Mais que verdade, infelizmente! Uma feira sem cham...
Entretanto li um outro comentário, não sei de que ...
Onde está isso da "falta de fraldas"?
Assim não vale...vir para aqui gabar-se que no seu...
Puxa Drª até na falta de fraldas a Drª é "pioneira...
o Sr Deputado João Dias, que há poucos dias deixou...
Nova Tróia,ainda pior que a outra no hospital.
25 de ABRIL sempre! Excelente dia da Liberdade, Zé...
O governo de Adalberto e Centeno sacrificam o SNS ...
No hospital a palavra de ordem é não há no armazém...
Difícil é entender porque é que certos intelectuai...
Esse é o lema na ULSBA
O bom funcionário vive feliz e saudável, quando to...
às 11H00?
blogs SAPO