Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Democracia não rima com esfinges

De resto, é conhecido o papel que o PRD desempenhou em 1987, ao oferecer a primeira maioria absoluta a Cavaco Silva. E o apoio de Eanes à candidatura presidencial de Cavaco nem sequer é virgem, pois já se tinha manifestado, sem êxito aliás, em 1996. O importante é que a pré-campanha já iniciada continue a descer à terra, despindo Cavaco da roupagem etérea com que se apresentou no CCB, um exemplo de rigor cavaquista, uma obra orçamentada em 6 milhões e que acabou nos 40 milhões de contos; hoje diríamos 200 milhões de euros, coisa pouca. Do passado ficaram-me imagens como as cargas policiais na Marinha Grande ou na Ponte 25 de Abril, com o meu amigo Luís Manuel Figueiredo atirado para uma cadeira de rodas. Mas o que mais recuso é a imagem de um homem, traçada por ele próprio: Nunca me engano e raramente tenho dúvidas.
Definitivamente, democracia não rima com esfinges mesmo quando finges, Aníbal!
Trecho da crónica de Alberto Matos na Rádiuo Pax



5 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    Porreiro, pá!

  • Anónimo

    Talvez seja possível num qualquer País mais civili...

  • Anónimo

    A boa notícia que todos gostaríamos que aqui apare...

  • Anónimo

    Esta malta da EMAS devia descansar um pouco!! Será...

  • Anónimo

    Sim, mas não tantos ….

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.