Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“Se há áreas nas câmaras onde se gasta mal o dinheiro é na Cultura"

"É necessário ser profissional a fazer as coisas e a Cultura e o Turismo são os sectores onde há mais amadorismo ao nível municipal. Se há áreas nas câmaras onde se gasta mal o dinheiro é na Cultura", disse Carlos Martins, o coordenador do Estudo Estratégico sobre as Indústrias Criativas da Área Metropolitana do Porto.

"Hoje as soluções criativas são muito mais necessárias porque o QREN é diferente e a competição faz-se em função dos melhores projectos, o que obriga a ganhar escala e a abandonar a lógica paroquial, partindo para um nível supra-municipal em que temos pouca experiência", completou, realçando ainda que "falar em cidades criativas não é um chavão e tem a ver com a sobrevivência", sendo a competitividade entre as metrópoles marcada pela capacidade de reter talentos.

1 comentário

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    O Maneta é Ministro ou autarca ?nao será dar-lhe e...

  • Anonimo

    Com tantos votos que o baixo alentejo decidiu atri...

  • Anónimo

    Esta resposta destina-se ao anónimo do dia 17.1020...

  • Anónimo

    o teu problema é muito mais grave, já não encontra...

  • Anónimo

    Falta a apreciação dos verdadeiros adeptos ! Que s...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.