Alvitrando
Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.
21
Mai 13

A Empresa Municipal de Água e Saneamento (EMAS) de Beja constituiu um fundo de reserva para fins sociais, durante o ano 2013, com base no qual

apoiou a compra de equipamentos “de cinco IPSS, que intervêm nas áreas da infância, juventude e deficiência”, conforme se pode ler e ouvir em:

 http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=905.

 

É uma iniciativa de louvar e mais de louvar seria ainda se estas preocupações sociais não tivessem surgido em vésperas de eleições autárquicas, num ano em que, certamente por pura coincidência, a EMAS não aumentou os preços da água e tem promovido um conjunto de iniciativas com forte impacto mediático.

A propósito destas preocupações sociais colocamos aqui a seguinte interrogação: Porque é que a EMAS cobra mais de 50,00 euros pela assinatura de um contrato de fornecimento de água, enquanto a EDP, por exemplo, nada cobra pela as

sinatura do contrato de fornecimento de energia?

publicado por Zé LG às 12:54
Tratando-se de uma empresa municipal, parece-me que terá de arranjar forma de se financiar, a não ser que queiramos que os chineses também "cá cheguem em força". Se aumentasse a água era porque tinha aumentado... se não aumenta é porque não aumenta...
Mafalda G Veneta a 22 de Maio de 2013 às 00:38
Mafalda G Veneta: Leu bem o que escrevi? Não parece... Se ler novamente com atenção perceberá que não pus em causa nada do que refere mas apenas (e não é pouco...) a oportunidade das decisões tomadas.
A oportunidade é aproveitada por quem a fez, obviamente. Chama-se a isso esperteza politica! Qualquer partido o faria, sabe bem que sim. Aconteceu ser o PS a saber gerir a EMAS, mas podia ter sido outro partido qualquer (menos a CDU, que esteve lá anos a fio e não soube aproveitar a maré).
Vamos criticar isso?!
Mafalda G Veneta a 23 de Maio de 2013 às 18:16
Mafalda G Veneta: E o custo do contrato? Não quer comentar?
Zé LG a 23 de Maio de 2013 às 23:44
Comento eu: sabe LG seria fácil não cobrar qualquer valor no momento da celebração do contrato e depois transferir esses custos directamente para o preço da agua. É esse pratica demagógica e de pouco rigor que os amigos da EDP praticam...alias na EDP o que pagamos menos e energia ....também estranho que a EDP apareça agora como um exemplo de empresa amiga ...
beja a 24 de Maio de 2013 às 08:07
Meu Caro Beja,
As questões que se colocam são as seguintes:
1 - Como é fixado o valor do contrato e para que serve?
2 - É justo que um um consumidor que consome 5 ou 6 m3 pague o mesmo valor pelo contrato de outro que consuma 10 vezes mais? - Respondendo à sua questão, não seria mais justo incluir o eventual valor do contrato, se tiver de existir, no custo da água?
Outras questões poderia colocar, mas parece-me que estas chegam para esclarecer o meu ponto de vista.
Já agora, não considero a EDP uma empresa amiga, mas parece-me, pelo que atrás escrevi, que neste particular do contrato é mais justa do que a EMAS.
Mas estou sempre disponível para fazer "mea culpa" se me demonstrarem que estou errado.
Zé LG a 24 de Maio de 2013 às 11:21
Maio 2013
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab
1
2
3
4
5
6
7
8
9
25
26
Passaram por cá
Contador de visitas

Desde 15.01.2011
pesquisar neste blog
 
últ. comentários
O bom funcionário vive feliz e saudável, quando to...
às 11H00?
safa, aqui aprende-se pouco, ou mesmo nada!
A loucura anual, para depois ano após ano ficar tu...
Cada um lê aquilo quer e vossemecê não tem nada a ...
E o anonimo(a) das 11:24 leu, senão, leia, é capaz...
Que triste pasmaceira!
Estes não se preocupam com coisa alguma e não se ...
Passaram cinco anos. Mudou governo e administração...
Saudável era a dieta daquele ministro obeso. Os ca...
Ambiente saudável...
podia ter colocado uma foto da sala de macas da ur...
Tal como o cartel dos madeireiros.
e não é para menos! Vamos continuar a rir? Porque ...
Passando agora dos investidores chineses para os e...
blogs SAPO