Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

"Nem só a doença é um problema"

Há dias, no funeral de um amigo comum, perguntei a um amigo que não via há tempos:

- Então como vai isso?

- Vai indo, mais ou menos, respondeu-me ele, embora deixando perceber que as coisas não estavam bem.

- Mais ou menos quer dizer que não estás bem, disse eu.

- Problemas, deixou escapar...

- Estás doente, perguntei-lhe?

- Nem só a doença é um problema, respondeu...

Depois lá me contou que, depois de dezenas de ano de trabalho, tinha sido despedido num processo de despedimento colectivo, resultante do encerramento da empresa onde trabalhava.

- E agora, aos 60 anos e com a situação como está, o que vou fazer, perguntou?

Infelizmente, não é o único nem um caso raro. É este o final de uma vida de trabalho que o governo oferece a cada vez mais portugueses. E depois ainda dizem que somos todos responsáveis pela situação a que Portugal chegou... Que culpa teve este homem? Não trabalhou uma vida inteira? Não cumpriu com todos os seus deveres?

2 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    Só mesmo para rir com esta PROPAGANDA XUXALISTA .....

  • Anónimo

    O Hospital de Beja teve e tem mais mulheres médica...

  • Anónimo

    Ainda sobre a Ministra da Coesão, ela até disse al...

  • Anónimo

    Funeral .

  • Zobaida

    Fico à espera de saber quem são os 40 homens notáv...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.