Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Presidente da Câmara de Beja em confronto com trabalhadores da AMBAAL

Zé LG, 26.02.13

Os trabalhadores da Associação de Municípios do Baixo Alentejo e Alentejo Litoral, foram ontem à Assembleia Municipal de Beja, para perguntar ao presidente da Câmara, qual a sua posição sobre a integração dos trabalhadores no quadro da Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo.

Pulido Valente respondeu aos trabalhadores, que o ouviram de pé, afirmando que estranhava a forma como a situação se estava a passar e que esta tinha outros fins que não quis classificar, considerando que este é um assunto demasiado importante para ser tratado da forma que está a ser tratado, em que se tenta explorar do ponto de vista politico/partidário uma situação que não tem nada desses contornos.

 

Os trabalhadores da Ambaal negam categoricamente a acusação, deixando claro que o que os move, nesta e noutras tentativas de esclarecimento, é perceber por que se arrasta continuamente a necessária tomada de decisão que garantiria o posto de trabalho de mais de 40 pessoas.

Recordam, igualmente, que, de momento, a Ambaal é a única associação de municípios do País que ainda não resolveu a questão da integração dos seus trabalhadores, tendo em conta o processo de extinção em curso.

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.