Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Florival Baiôa afirma que a ADPCRB pode “fechar a porta”

Florival Baiôa considera que a sobrevivência de muitas associações está em causa, devido aos valores dos subsidios atribuidos pela Câmara de Beja neste ano de 2012 e exige uma política de "verdade" à autarquia.

A Associação de Defesa do Património Cultural da Região de Beja vai receber 250 euros, no ano passado tinha recebido 750, um valor que deixa Florival Baiôa, quase sem palavras. O presidente da associação considera que sem o mínimo esforço das entidades locais e regionais a sobrevivência das associações poderá estar em causa e exige à autarquia uma politica de mais “verdade”.

4 comentários

Comentar post

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não concordo. Como bem diz, dada a manifesta incap...

  • Anónimo

    Esta questão tem acontecido com a conivência de vá...

  • Anónimo

    Lixo e buracos nas ruas e estradas constituem a im...

  • Anónimo

    Uma gestão camarária que nem do lixo dá conta!Quan...

  • Anónimo

    Continua a apresentar boas respostas. Durante 40 a...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.