Saltar para: Post [1], Comentários [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

"Aposta na agricultura como base do desenvolvimento dos concelhos rurais"

Zé LG, 13.11.12

E reforço a convicção de que sem a aposta na agricultura como base do desenvolvimento dos concelhos rurais, pouco ou muito pouco se poderá fazer para suster a sua desertificação humana, a qual se encontra em curso acelarado, e com todas as consequencias dai inerentes.
Pena foi que se tivesse chegado a esta situação quase limite. E agora revertê-la não é nada fácil.
Mas mesmo assim há que lutar, pelo que convém que nós, que já temos alguns anos, deixarmos aqui para os mais novos a informação de como tudo se passou e como foi possivel termos chegado sobretudo aqui na nossa região a este estado calamitoso.
O Alentejo rural teve até quase ao 25 de Abril de 1974 um sistema socio-económico de funcionamento semifeudal. O que levou a um atraso na evolução técnica da sua agricultura, e que condicionou e de que forma o normal relacionamento entre proprietários das terras e trabalhadores.
Sendo estes factores determinantes no afastamento das populações do campo, aliados a politicas completamente erradas de abandono das terras e subsidiodependencia dos agricultores a partir da célebre Reforma da PAC no tempo dos governos de Cavaco Silva.
É por isso que eu penso que todas as gerações com mais de 50 anos que viraram definitivamente as costas à agricultura e ao campo, já não voltam para ele. Logo há que investir nos jovens e desde tenra idade.

Comentário de Bandarra, deixado aqui, a 12 de Novembro de 2012 às 11:09

3 comentários

Comentar alvitre