Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Não Sr. primeiro-ministro, eu não sou responsável pelo descontrolo da pandemia!

Zé LG, 27.06.21

202010151132032077.jpgO Sr. primeiro-ministro voltou a afirmar, naquela sua estratégia desresponsabilizadora, que a responsabilidade do descontrolo da pandemia é dos portugueses e que, por isso, vamos sofrer as consequências, designadamente de mais restrições.

Ora, Senhor primeiro-ministro, eu, como a esmagadora maioria dos portugueses, sempre cumpri as normas que o seu governo impôs. Mesmo quando não concordei com algumas e até achei disparatadas algumas destas. Ora, como pode vir agora o Sr. Primeiro-ministro atribuir-me responsabilidades?

Uma pandemia, uma doença, não se combate (só) com medidas administrativas, com confinamentos e restrições das liberdades individuais e colectivas. Combate-se também – e principalmente, com medidas sanitárias. E o Senhor primeiro-ministro, há mais de seis meses, repetiu a sua divulgação – testes, rastreio e confinamento das pessoas infectadas ou com hipótese de estarem. Será que essas medidas, da responsabilidade do governo, foram aplicadas de acordo com as necessidades, face à evolução da pandemia? Se foram, porque é que se chegou novamente ao descontrolo registado nalguns concelhos, designadamente da Área Metropolitana de Lisboa, como já se tinha verificado há seis meses (a história está-se a repetir uma vez mais…)?

Não, Senhor primeiro-ministro, a responsabilidade não é das pessoas, pelo menos da grande maioria. A principal responsabilidade é sua e do seu governo, porque não tomou as medidas sanitárias que anunciou, na medida que era necessário, e porque não foi capaz de fazer aplicar, a quem não as cumpre, as medidas de contenção que tomou, que é para isso, também, que serve um governo e um primeiro-ministro...

“Não conseguem pessoas novas têm que se servir dos velhos”?

Zé LG, 27.06.21

PCP-768x432.jpg«O PCP vive do passado. Partido que nunca esteve aberto à discussão entre militantes, não criou espírito crítico. Os jovens que aderem ao PCP não dizem coisa com coisa. Quem não dissesse amém ao que dizia o chefe era criticado, se abusasse era castigado, ...

Assim vai o PCP. Mas sempre a fazer-se grande como naquela frase em que diz "O futuro tem partido". Só têm razão numa coisa. De facto o futuro tem partido, só que esse partido não é o PCP.»

Anónimo 26.06.2021, aqui.

3ª edição do Prémio Literário Joaquim Mestre lançada na “Feira do Livro – Solstício das Palavras”

Zé LG, 27.06.21

Passados dois anos desde o lançamento da primeira edição do Prémio Literário Joaquim Mestre, uma iniciativa promovida pela ASSESTA, em parceria com a Câmara Municipal de Beja e a Direção Regional de Cultura do Alentejo, Luís Miguel Ricardo afirma que “o balanço é francamente positivo”.
O presidente da ASSESTA recorda que, em 2017, quando surgiu a iniciativa, “não havia nenhum prémio literário na região” e “hoje existem três”.  Acrescenta que “ter um Prémio Literário no Alentejo de dimensão nacional”, foi um dos objetivos cumpridos.
Nesta terceira edição, o período de entrega dos trabalhos vai ser estendido até ao último dia deste ano.
Tal como nas edições anteriores, o prémio irá atribuir ao vencedor um valor de 3 mil euros, além de apoio à publicação da obra, numa editora prestigiada.

CDU candidata Margarida Fernandes à Câmara e Marina Justo à Assembleia Municipal de Sousel

Zé LG, 27.06.21

205111748_4153900091353463_7054653166262255595_n.jMaria Margarida Fortio Fernandes, de 63 anos, é arquiteta paisagista, e desempenha funções de técnica superior na Câmara de Évora. A candidata foi presidente da Assembleia de Freguesia da Malagueira, concelho de Évora, nos mandatos de 1997 a 2001 e de 2009 a 2013, e presidente da Junta de Freguesia da Malagueira entre 2013 e 2017.
A CDU anunciou também a candidatura de Marina Justo, de 36 anos de idade, à presidência da Assembleia Municipal de Sousel. A cabeça de lista da CDU é licenciada em Direito e foi eleita na Assembleia Municipal de Sousel no mandato de 2009 a 2013.

A estratégia chegana

Zé LG, 26.06.21

Apoiantes do partido da extrema direita populista colocam-se de plantão nos espaços em que acham que vale a pena mostrarem que o partido existe e atacam, muitas vezes, de forma primária, tudo e todos que acham de são de esquerda. Poucos e poucas vezes fundamentam as acusações e insinuações e quando o debate é aprofundado fogem, para voltar mais tarde com “bocas”, sempre na tentativa de mostrar que está tudo mal, que isso se deve ao 25 de Abril e às esquerdas e que nunca esteve tão mal como agora com um governo do PS, viabilizado pelos partidos da esquerda na AR. Batem sempre nas mesmas teclas, na tentativa de fazerem acreditar que na ditadura é que era bom e que é necessária uma “Revolução” para que Portugal entre na “IV República”, onde, finalmente, “o Sol brilhará para todos nós” (não se atrevem a dizer assim, mas dizem-no de outras formas)…

Às vezes, até fazem umas críticas certeiras, mas com o único objectivo de justificarem aqueles desideratos… como se todos os problemas se resolvessem com a chegada do Chega ao Poder, tipo “lava mais branco e elimina todas as nódoas... Poderíamos usar a fórmula do “é barato, é fácil e dá milhões” para sintetizar a estratégia “chegana”, para acabar com os “ismos”...

Bernardo Loff é o cabeça de lista da CDU à Assembleia Municipal de Beja

Zé LG, 26.06.21

202106251645551599.PNGBernardo Mendes Loff Barreto, nasceu em Sosa-Vagos, em 1947. É licenciado em Medicina. Fez parte do 1º grupo de médicos do Serviço Médico à Periferia em 1975, tendo trabalhado nos concelhos de Cuba e Vidigueira. Ingressou depois no Hospital de Beja em março de 1976, onde decorreu toda a sua Carreira Médica. Aposentou-se em 2013. Trabalha atualmente no Serviço de Hemodiálise da ULSBA. Foi professor convidado da Escola Superior de Saúde de Beja durante 37 anos. É sócio fundador do Sindicato dos Médicos da Zona Sul. Foi Diretor do Jornal Alentejo Popular e da Rádio Voz da Planície.
Bernardo Loff foi presidente da Assembleia Municipal de Beja durante 5 mandatos. É militante e membro da Comissão Concelhia de Beja do PCP e do executivo da Direção Regional de Beja e do PCP.

CDU recandidata Figueira Mendes à Câmara de Grândola

Zé LG, 26.06.21

202106241228079367.jpgAntónio Figueira Mendes, natural da Freguesia de Azinheira dos Barros, é militante do PCP desde 1959 e administrador de empresas.
É presidente da Câmara Municipal de Grândola desde outubro de 2013, cargo que já tinha desempenhado entre 1976 e 1989
É Vice-Presidente da CIMAL e da Comissão Permanente do Conselho Regional da CCDR Alentejo. Do extenso currículo, destaca-se "a participação na criação das Associações de Municípios dos Distritos de Beja, Setúbal e Litoral Alentejano e na criação da Região de Turismo de Setúbal - Costa Azul, sendo, desde sempre, membro da sua Comissão Executiva".

Ventura Ramalho é o cabeça de lista do BE à Assembleia Municipal de Odemira

Zé LG, 26.06.21

202106251125426975.pngVentura Ramalho, 42 anos, residente em Vila Nova de Milfontes, é o candidato do Bloco de Esquerda à Assembleia Municipal de Odemira nas autárquicas deste ano.
Ventura Ramalho é membro da direção do Clube Desportivo Praia de Milfontes, presidente da Associação de Pais do Colégio Nossa Senhora da Graça e representante das Associações de Pais na Comissão de Proteção de Crianças e Jovens do Concelho de Odemira.

José Lúcio

Zé LG, 25.06.21

67cd996a1c631c742fe11d61e2eb0bb4.jpg.crdownloadJosé Lúcio é Juiz Desembargador no Tribunal da Relação de Évora. Exerceu funções de Juiz de Direito em Portalegre, Moita, Mogadouro, Torres Novas, Porto e Évora. Foi Juiz Presidente do Tribunal Judicial da Comarca de Beja entre Junho de 2014 e Dezembro de 2020.

Publicou um livro, intitulado "Crónicas do Lidador", em que "reuniu diversos textos relacionados com o exercício dessas funções  de Juiz Presidente", escrito "segundo a norma ortográfica que aprendeu, ignorando o AO90."

Agradeceu-me no mesmo dia em que alvitrei aqui a publicação do seu livro. Mas a sua generosidade não ficou por aqui. Hoje mesmo, veio ter comigo ao meu local de trabalho, para me agradecer presencialmente aquele alvitre e oferecer-me um exemplar do seu livro.

Nos tempos que vivemos, é muito gratificante e devemos reconhecer estas atitudes, porque caracterizam bem a personalidade de quem as pratica. É um bom motivo para não desmorecermos e continuarmos a acreditar que a natureza humana não tem de ser como muitas vezes se evidencia, pelos piores motivos.

Bem haja, Dr. José Lúcio!

CDU candidata José João Guerreiro à Câmara de Ferreira do Alentejo

Zé LG, 25.06.21

Jose-Joao-Guerreiro-CDU-Ferreira-do-Alentejo-2021-O antigo autarca José João Guerreiro, de 70 anos, que liderou a Câmara de Ferreira do Alentejo durante 10 anos, é o candidato da CDU à autarquia ferreirense, de maioria PS, nas próximas eleições Autárquicas.
Natural de Ferreira do Alentejo, José João Guerreiro foi funcionário da Secção de Ferreira do Alentejo do Serviço de Fomento Mineiro da Direcção Geral de Minas e Serviços Geológicos até ser eleito, vereador da Câmara de Ferreira do Alentejo em 1979. Três anos depois, nas eleições Autárquicas de 1982, assumiu a presidência da autarquia ferreirense, cumprindo três mandatos no cargo, até1993. Atualmente é eleito na Assembleia Municipal de Ferreira do Alentejo.