Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CDU candidata Manuela Florêncio à Assembleia Municipal de Castro Verde

Zé LG, 27.05.21

202105261653571889.pngManuela Florêncio nasceu em 1957 em Castro Verde, onde sempre residiu. É licenciada em Línguas e Literaturas Modernas e mestre em Linguística Histórica. É professora desde 1975 na Escola Secundária de Castro Verde, onde foi presidente, quer do Conselho Diretivo, quer do Conselho Geral.

Em 1980 foi eleita pela primeira vez para os órgãos autárquicos do concelho, tendo passado pela Assembleia Municipal, pela Câmara Municipal e pela Junta de Freguesia de Castro Verde. Actualmente é presidente da Assembleia Municipal de Castro Verde.

A CDU afirma que "Manuela Florêncio conhece profundamente o concelho e possui uma grande experiência autárquica" e que "a sua candidatura é garantia de trabalho, rigor e ponderação, qualidades essenciais às exigências do cargo a que se candidata."

Chega Candidata Idalete de Brito à Câmara de Ourique

Zé LG, 27.05.21

Idalete-Brito_800x800-160x160.jpgIdalete de Jesus Alves Pereira de Brito é natural e residente em Ourique, tem 44 anos, e é casada com Rui Brito, militante do PSD, que está em rota de colisão com o partido. É licenciada em Ciências Sociais – Serviço Social e atualmente desempenha funções de Animadora Socio-cultural numa IPSS do Concelho de Ourique.

O Chega refere que a equipa de Idalete Brito tem como objetivo “colocar Ourique no caminho rumo ao sucesso”.

"Bolhas"

Zé LG, 26.05.21

IMG_7265.JPGA ministra da Presidência afirmou que os ingleses que vinham assistir à Final da Taça dos Campeões Europeus eram metidos numa "bolha" desde oa saída de Inglaterra até ao Estádio do Dragão e depois deste até ao regresso a Inglaterra. Desta forma não haveria qualquer risco de contágio do novo coronavirus, ao contrário do que aconteceria se fosse autorizado público na Final da Taça de Portugal.

Bastaram menos de duas semanas para mostrar quanto irrealista era o plano do governo. Hoje começaram a chegar os primeiros espectadores e os profissionais de diferentes sectores são unânimes em afirmar que aquela "solução" era impraticável. 

 Este ep+isódio, à semelhança de outos, veio mostrar que é o governo que se encontra dentro de uma "bolha", não ouvindo nem vendo o que o rodeia e não revelando capacidade de avaliação dos riscos nem de tratamento igual para eventos iguais em termos de daqueles. O governo tem mostrado que não sabe ou não quer gerir a pandemia com respeito igual por todos, protegendo os que lhe interessam e prejudicando os que mais precisam de ser defendidos.

Cidade de Alcácer do Sal passa a ter transportes urbanos

Zé LG, 26.05.21

202105241800009281.jpgFoi apresentado pela Câmara Municipal de Alcácer do Sal, o novo Sistema de Transporte Urbano de cariz local, que entra em funcionamento já no dia 1 de junho e que vai permitir a deslocação dos residentes nos bairros periféricos ao centro urbano da cidade.

Os dois novos autocarros, adquiridos pela Câmara Municipal de Alcácer para este efeito, vão percorrer três circuitos nos dias úteis, entre as 7h e as 13h, com passagens pelo centro da cidade a cada 30 minutos.

“Este projeto ambicioso é também inclusivo, na medida em que cada autocarro pode transportar uma cadeira de rodas”, destacou o presidente da Câmara Municipal, Vítor Proença.

Filmes promocionais do Alentejo no Top 3 na Fitur

Zé LG, 26.05.21

ERT-Alentejo-Ribatejo-768x471.png“We Call It Alentejo” e “Caminhos de Santiago Alentejo e Ribatejo”, são os dois filmes promocionais que conquistaram o top três na categoria “Destinos” do concurso Fitur Travel Video Competition, realizado no âmbito da feira que decorreu em Madrid.

Para Vítor Silva, presidente da ERT do Alentejo/Ribatejo, estes prémios “significam, acima de tudo, o reconhecimento por parte dos especialistas e críticos do setor do turismo da qualidade do trabalho promocional que tem vindo a ser desenvolvido pelas duas instituições, tanto no mercado nacional como no internacional”.

PS candidata Artur Ceia à Câmara de Santiago do Cacém

Zé LG, 26.05.21

20210523183645916.jpegArtur Ceia, de 61 anos, casado e residente em Vila Nova de Santo André, é Licenciado em História e pós-graduado em reinserção social.

Foi diretor do estabelecimento prisional do Pinheiro da Cruz, diretor de núcleo da segurança social - centro distrital de Setúbal, vice-presidente do Instituto de Reinserção Social e professor na escola Bento de Jesus Caraça, em Santiago do Cacém. É militante do PS e integra o secretariado da comissão política da concelhia. É também membro da Assembleia de Freguesia de Santo André eleito pelo PS.

A concelhia do PS de Santiago do Cacém afirma que está "focada em ganhar a autarquia, presidência da Câmara, Assembleia Municipal e Juntas de Freguesia nestas eleições autárquicas”.

CDU quer recuperar a Câmara de Castro Verde

Zé LG, 26.05.21

202105251714251617.PNGA CDU de Castro Verde assume-se como força alternativa credível e com o objetivo de recuperar a autarquia castrense nas próximas eleições autárquicas, com Fátima Silva como cabeça de lista.

A CDU vai apresentar candidatura a todos os órgãos autárquicos com o objetivo de se reforçar como força política do poder autárquico no concelho de Castro Verde, nomeadamente: recuperar a Câmara Municipal de Castro Verde, afirmando-se como alternativa credível à atual gestão, recuperar a Freguesia da União de Freguesias de Castro Verde e Casével, manter a gestão das Juntas de Freguesia de Entradas, Santa Bárbara de Padrões e São Marcos da Atabueira e reforçar os eleitos na Assembleia Municipal de Castro Verde.”

“Unidos por Mértola e pelas Pessoas” vai a eleições

Zé LG, 25.05.21

150366415_363601354683647_1156136200566512993_o.pn“Perante a intransigente, incompreensível e inadmissível recusa de alguns dirigentes locais do PS, ..., em fomentar e promover o diálogo e um processo de participação alargada dos cidadãos e das cidadãs na construção de uma estratégia e de um projecto de desenvolvimento para o concelho no âmbito das próximas eleições autárquicas”, um movimento independente, com base no manifesto Unidos por Mértola e pelas Pessoas, vai apresentar a candidatura às próximas eleições autárquicas.
“A escolha dos candidatos, à Câmara e à Assembleia Municipal, nomeadamente dos cabeças de lista, resultará de um processo de participação alargada..., o qual identificará também o perfil dos elementos participantes mais aptos para constituírem a futura equipa autárquica.”

Sem surpresa... o que parecia óbvio concretiza-se...