Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

AV abriu a porta do armário em que muitos ainda se mantinham, no Alentejo e não só...

Zé LG, 31.01.21

384069_257366364323572_1662803410_n.jpg«Nunca, mas nunca uma larga faixa da sociedade alentejana abandonou o nacionalismo, a Fé e o desejo de ver reparado aquilo que “lhes fizeram durante o 25 de Abril”. Uma ferida sempre latente no eixo entre Nisa e Ourique. Uma falha sísmica adormecida. Uma discussão que nunca foi feita. Bem pelo contrário, que sempre se evitou e a qual cavou ao longo dos anos de democracia autênticos alçapões, alimentados por anjos e demónios sedentos de se manifestarem.

Não foi por acaso que se abriu o portal desses anjos e demónios em Évora no passado mês de setembro. Como sempre, alguém de fora fez essa leitura e aproveitou. Aqueles que viviam incomodados por não existir alternativa mais à direita do CDS respiraram de alívio. Aos olhos de um alentejano, como eu, nada se alterou nem em setembro, nem agora. O que aconteceu foi que aqueles para quem o MIRN era muito à esquerda deixaram a clandestinidade. Confuso? Talvez, mas a História e sociologia alentejana não são só anedotas...»

Luís Rego é assessor do PS no Parlamento Europeu, aqui.

Câmara de Cuba investe na requalificação de espaços públicos

Zé LG, 31.01.21

Estão a decorrer os concursos públicos para as Empreitadas de Requalificação do Jardim dos Combatentes em Cuba e da Reabilitação do Centro Cultural de Vila Alva, que segundo a Câmara Municipal de Cuba, são “duas obras importantes de remodelação e modernização de duas infraestruturas, essenciais para a fruição cultural e recreativa da população”.

Cuba-768x300.jpgNo Jardim dos Combatentes de Cuba, a intervenção irá revitalizar todo o espaço público, reforçando a sua vocação lúdica e ambiental e, ao mesmo tempo, reabilitar as antigas Casas da CP, que irão dar lugar à construção de uma residência para estudantes. A Reabilitação do Centro Cultural de Vila Alva visa revitalizar e requalificar o edifício, a fim de dotar o espaço de melhores e mais adequadas condições para a realização de diversos tipos de atividades.

Câmara de Moura investe na requalificação de espaços exteriores de Loteamento

Zé LG, 31.01.21

Já se encontram em andamento os trabalhos de requalificação dos espaços exteriores do Loteamento do Rio da Roda e Rua dos Lameirões, em Moura, que “pretende criar melhores condições de segurança ao nível da mobilidade pedonal e melhorar a segurança de circulação rodoviária”.Moura-obra-768x512.jpg

Ministra da Agricultura diz que “estamos a trabalhar para ter uma agricultura mais ecológica e mais resiliente”

Zé LG, 31.01.21

201911051026499350.pngMaria do Céu Antunes, ministra da Agricultura, apresentou no Parlamento Europeu, na Comissão de Agricultura e Desenvolvimento Rural e na Comissão do Ambiente, da Saúde Pública e da Segurança Alimentar, as prioridades da Presidência Portuguesa relativas à agricultura.
Destacou, para além da conclusão das negociações da Reforma da Política Agrícola Comum (PAC) outras três prioridades: o desenvolvimento rural; a segurança alimentar; e a inovação, referindo que “estamos a trabalhar para ter uma agricultura mais ecológica e mais resiliente, que seja um dos pilares essenciais para alcançar a meta de ter a Europa como o primeiro continente climaticamente neutro em 2050.

No Alentejo, há “48 surtos ativos” do vírus que provoca a Covid-19, dos quais 37 em lares

Zé LG, 30.01.21

mão-768x512.jpgO presidente da Administração Regional de Saúde (ARS) do Alentejo, José Robalo, indicou que estão identificados na região “48 surtos ativos” do vírus que provoca a Covid-19, dos quais 37 são em lares. É no distrito de Évora que se “vive” a situação “mais grave”, com 16 surtos em lares, seguindo-se o distrito de Portalegre, com 11, o Litoral Alentejano, com 6, e o distrito de Beja, com 4. No distrito de Évora, os surtos ativos nos lares já infetaram com o novo coronavírus cerca de 800 pessoas, entre utentes e funcionários, registando-se cerca de 8% de mortalidade.
Em relação à vacinação contra a Covid-19, nos três distritos do Alentejo, (Évora, Beja e Portalegre) e no litoral alentejano, José Robalo revelou que já foram aplicadas 24.680 doses, nomeadamente, em profissionais de saúde e utentes e funcionários de lares e unidades de cuidados continuados. Nos lares e nas unidades de cuidados continuados ficou concluída a vacinação, esta sexta-feira, com as exceção das instituições com surtos ativos ou casos de infeção suspeitos.

«Senti o vírus vivo no corpo. Evita sim?»

Zé LG, 30.01.21

transferir.jpg«… E as horas a passar e as pessoas a chegar e a angústia a subir e vomitar mais um pouco e o olhar da médica com a preocupação de não desmaiar novamente porque “a convulsão não foi bonita”. E eu só queria ir para casa e fugir dali. Não queria dar trabalho. Não queria morrer ali. Não queria ouvir aqueles ruídos. Não queria estar ali. Vieram os resultados. “Vai para casa porque mora perto e está lúcida”, mas com a certeza de que iria piorar muito antes de melhorar. E piorei e não foi bonito. Não sei como é com as outras pessoas, mas eu senti o vírus vivo no corpo. Senti-o agarrado a cada canto de mim a apoderar-se das minhas forças e da minha alma. Desesperei. Chorei muito. Mas passou. E, duas semanas e meia depois estou a escrever sobre isso e tive alguns momentos em que pensei que jamais seria capaz de seja o que for.

Passou. O que sinto é apenas o peito mais pesado e ligeiro cansaço. Mas também isso irá passar, espero. E escrevo-te Rosa, porque quero que saibas que isto é feio, mau, complicado e evitável. Evita sim?»

Madalena Palma conta como sentiu a infecção com o novo coronavírus, in “Expoente m”.

Agricultores precisam de ter condições para produzir e levar os seus produtos à mesa das pessoas

Zé LG, 30.01.21

010520171256-691-IMG_0087.jpg«Neste processo (crise pandémica) de grandes dificuldades e novos desafios, não podemos esquecer os imprescindíveis apoios nacionais e comunitários para salvaguardar a vitalidade do sector agrícola. A agricultura é a base da subsistência da sociedade. Tem de ser salvaguardada a soberania alimentar. Precavendo danos maiores provenientes da pandemia. É fundamental garantir que os agricultores continuam a ter condições para produzir e levar os seus produtos à mesa de todos nós. Como têm feito até aqui: Na linha da frente!»
Assim termina Rui Garrido, Presidente da ACOS, a sua opinião na Rádio Pax.

Mais de 5% das pessoas do Concelho de Beja já foram infectadas pelo novo coronavírus

Zé LG, 29.01.21

143982901_3322995157805277_2387830051325271172_o.j

No dia de ontem foram diagnosticados 21 casos novos de COVID-19 no concelho de Beja. Daqui.

Longe vão os tempos em que raras eram as pessoas que conheciam alquém que tivesse COVID-19. Agora, quem não conhece umas quantas pessoas que já foram infectadas, internadas ou morreram com esta doença? No princípio, as pessoas contavam e muitas viveram aterrorizadas. Agora, que a situação é dramaticamente pior, o que conta são os números e muita gente habituou-se a viver com "a nova normalidade"..., com as consequências que estão à vista...

Filhos de pais que exercem funções serviços essenciais e famílias carenciadas apoiados na Escola Santiago Maior

Zé LG, 29.01.21

Escola-Santiago-Maior-768x576.jpgA Escola de Santiago Maior, que faz parte do Agrupamento nº1 de Beja está a acolher filhos cujos pais exercem funções nos serviços essenciais, nesta altura de confinamento.

Actualmente, são 14 as crianças filhos de profissionais de saúde que entre as 08h45 e as 18h30 preenchem o dia na escola. São maioritariamente crianças do pré-escolar e primeiro ciclo de diversos estabelecimentos de ensino da cidade.

A Santiago Maior está, também, a fazer o levantamento de refeições em regime de take away às famílias mais carenciadas, com educandos tenha escalão A ou B, independentemente de frequentarem ou não o agrupamento de escolas nº1.

Álvaro Nobre morreu

Zé LG, 28.01.21

3d041a_23307346f23c45ac919fe46289525ee1_mv2.jpgÁlvaro Nobre, de 86 anos, natural de Cabeça Gorda morreu no passado dia 26 tendo o funeral sido realizado do dia seguinte, da casa mortuária de Cabeça Gorda para o cemitério da aldeia.

Álvaro Nobre era funcionário público aposentado, tendo sido militante do PCP e eleito autárquico da CDU durante muitos mandatos.

Álvaro Nobre era um Homem bom, íntegro, simples mas sábio e sempre com uma postura correcta. Sempre fiel aos seus ideais, de convicções firmes mas tolerante e sempre privilegiando as convergências e os entendimentos com vista ao bem comum. Tinha estima e um grande respeito por ele.

À Família e ao PCP apresento os meus sentidos pêsames.

Será que exerce a mesma fiscalização do rigoroso confinamento de todos os cidadãos?

Zé LG, 28.01.21

143048539_10219052124879534_6688520041579010306_o.

O SOS Racismo afirma, em comunicado, que a Câmara de Castro criou “gueto” para “confinar infetados por Covid-19 na comunidade cigana, com cerco policial, uma medida de segregação étnica divulgada no Facebook da autarquia”. A Câmara de Castro responde, também, em comunicado, explicando que "agiu em conformidade por haver pessoas que não estavam a cumprir confinamento obrigatório”. Diz que retirou o “post" porque “não estava a atingir o objetivo de esclarecimento pretendido”.

Assunção Honrado morreu

Zé LG, 27.01.21

2021012119313165.nb.pngAssunção Leonor Bárbara Gil Honrado, de 69 anos, natural de São Marcos da Ataboeira, morreu no passado dia 21, no Hospital de Torres Vedras, tendo sido cremada no Crematório da Póvoa de Santa Iria, no dia 25.

Assunção Honrado era professora aposentada, tendo sido eleita, como independente, nas listas da CDU, em vários mandatos, na Assembleia Municipal de Beja.

Convivi mais de perto com a Assunção Honrado no período em que ambos fomos autarcas da CDU no Concelho de Beja. Criámos uma relação de estima mútua. Era uma Mulher bem disposta, de bom trato e relacionamento fácil, frontal, sempre fiel aos seus ideais, de convicções firmes, empenhada cívica e politicamente.

Há bastante tempo que não tinha notícias dela e hoje fui surpreendido com a notícia da sua morte, que me deixou consternado.

À família apresento publicamente os meus sentidos pêsames.

ANAFRE discorda de proposta de lei do Governo sobre reversão da fusão de freguesias

Zé LG, 27.01.21

20200917102931933.jpgA ANAFRE discorda em vários pontos da proposta que vai ser apresentada pelo Governo e teme que este processo não fique concluído a tempo das autárquicas 2021. Diz, ainda, não perceber o que aconteceu pois o que vai ser apresentado não corresponde ao defendido, e negociado, pelas freguesias.

Vítor Besugo, coordenador distrital da ANAFRE, identifica os pontos com os quais a ANAFRE discorda, apontando desde logo a questão de ser necessária uma maioria de 2/3, em Assembleia de Freguesia para que a decisão seja aprovada, assim como os critérios para que a reversão possa ser feita. Frisa que não há diferença, quando a ANAFRE o pediu, entre territórios de alta e de baixa densidade. Acrescenta que a ANAFRE não percebe o que aconteceu pois o que vai ser apresentado não corresponde ao negociado e proposto.

ULSBA recupera médico de Saúde Pública

Zé LG, 27.01.21

Hospital-Beja-4-768x512.jpg“Em consequência das diligências do presidente da Federação do PS Baixo Alentejo, Nelson Brito, junto do ministério da saúde e da reunião tida há dias, com a ministra da Saúde, Marta Temido, foi ultrapassado o constrangimento resultante da ausência de médico de saúde pública na região”.

“Esta solução, que permite a fixação de um médico coordenador de saúde pública na ULSBA, a tempo inteiro, e consequentemente possibilita o funcionamento deste serviço, vem colmatar uma fragilidade grave que se vivia nos cuidados de saúde regionais, nomeadamente em tempos de combate à pandemia da Covid-19”, explica Nelson Brito, presidente da Federação do PS Baixo Alentejo.

 

Esperemos que o presidente da Federação do PS Baixo Alentejo tenha o mesmo sucesso noutras reivindicações da região.

Autarcas querem que populações decidam separação de freguesias

Zé LG, 26.01.21

BEJA-Juntas-de-Freguesia_800x800.jpgA Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) deu parecer desfavorável à proposta de lei do Governo que visa permitir reverter a fusão de freguesias, por considerar que a obrigatoriedade de vários critérios – como a oferta de serviços ou a área territorial – torna o modelo “limitador”, defendendo que a “vontade política” das populações deveria bastar para reverter a reforma de 2013. O tema vai ao Parlamento no dia 29.

Pág. 1/5