Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Transferência de competências do Estado para as autarquias gera divisão entre estas

As Câmaras têm até dia 2 de Fevereiro para comunicar à Direcção Geral das Autarquias Locais (DGAL) se aceitam, ou não, a transferência de competências do Estado já em 2019. O processo não tem sido pacífico nalguns municípios.

Aljustrel, Castro Verde, Mértola, Moura, Cuba, Alvito e Serpa já rejeitaram as novas competências.

No caso de Vidigueira, a CDU, sem maioria na Câmara, não conseguiu fazer passar a proposta de rejeição de competências. A Assembleia Municipal recusou as competências.

Beja aceita apenas o apoio aos Bombeiros. Almodôvar vai também aceitar algumas das novas responsabilidades. Ferreira do Alentejo só não aceita a gestão do estacionamento.

Odemira e Ourique são os únicos municípios do distrito de Beja disponíveis para receber a totalidade das novas competências que estão agora em cima da mesa.

"O nosso Hospital está uma desgraça"

- Então, há notícias da sua mãe?

- Voltou ontem, mas está na Urgência. O nosso Hospital está uma desgraça...

Acabei de ter este diálogo com uma amiga, cuja mãe foi enviada para o Hospital de Évora no Sábado passado, por não haver cardiologistas de serviço no nosso.

070620161129-357-HOSPITALDEBEJA.jpg

Esta minha amiga ainda prosseguiu o seu desabafo manifestando as suas / nossas preocupações com o estado em que se encontra o nosso Hospital. Que é repetido, vezes sem conta, por cada vez mais pessoas. No fim de semana, foram várias as pessoas que se referiram ao caos em que se encontrava a Urgência.

Não será possível fazer alguma coisa para travar e inverter este caminho (para o abismo)? Será possível que as forças "vivas", a começar pelas autarquias, da nossa região não estejam a par da situação, não se preocupem com ela e nada façam para a inverter? Ainda não é chegada a hora de todos - USLBA, autarquias e outras organizações e cidadãos em geral -, nos unirmos e mobilizarmos em defesa do nosso Hospital e centros de saúde?

“Agricultores do Sul” destaca campanha da azeitona e fileira do porco alentejano

201805152306376210.jpgOs temas da atualidade que interessam ao sector agrícola são tratados, semanalmente, no programa “Agricultores do Sul”. Na emissão desta semana em estúdio dois convidados: Fernando do Rosário, presidente da Cooperativa Agrícola de Beja e Brinches e Nuno Faustino, presidente da Associação de Criadores do Porco Alentejano (ACPA).

“Agricultores do Sul” para ouvir hoje, a partir das 18.00 horas, em 104.5FM ou através da emissão online em http://www.vozdaplanicie.pt/programas/28.

Comentários recentes

  • Vitor Paixão

    "...A gestão corrente não é contexto para irem mai...

  • Vitor Paixão

    Ó senhora anónima, até parece mentira uma observaç...

  • Anónimo

    O candidato vai ser o vencedor da 7 maravilhas! 😀

  • Vitor Paixão

    Tal e qual!

  • Anónimo

    Beja centro do quê? Nem do distrito quanto mais do...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds