Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Arranca daqui a três meses a 36ª Ovibeja

20190122170943418.jpg

Espaço de diálogo e de inovação, a 36ª Ovibeja, a decorrer de 24 a 28 de Abril de 2019, desafia para a abordagem conjunta à problemática das alterações climáticas, já está a receber inscrições para o 9º Concurso Internacional de Azeites Virgem Extra – Prémio CA Ovibeja para expositores e já tem o Secretariado a funcionar em pleno.

Isto tem de ser bem exlicado e eventuais favores devem responsabilizar quem os concedeu

50876735_10214811511304823_1658977087114969088_n.j

Até admito que algumas destas imparidades se tenham traduzido em perdas reais para a CGD por razões fundamentadas. Mas não acredito que todas as indicadas tenham justificação, como não acredito que esta prática tenha sido igualmente aplicada a pequenos empréstimos. Enquanto cidadão contribuinte, exijo que as administrações de empresas públicas (neste caso, a CGD) tenham práticas de gestão conforme as normas e se tal não se verificar sejam responsabilizadas pelas más práticas e decisões.

“A iconografia das necrópoles sidéricas de Beja” em Conferência no Núcleo Museológico da Rua do Sembrano

201901231016573759.jpg“Ecos e Sinais: A iconografia das necrópoles sidéricas de Beja, entre o Alentejo e o Mediterrâneo” é o mote para uma conferência que vai decorrer, esta noite, no Núcleo Museológico da Rua do Sembrano.

Francisco B.Gomes, Investigador Pós-Doutoral da UNIARQ-Centro de Arqueologia da Universidade de Lisboa e da Faculdade de Letras da mesma Universidade, é o orador convidado da conferência que tem início marcado para as 21.30 horas.

Daqui e daqui.

PNI 2030 é “uma mão cheia de nada e outra de coisa nenhuma”

201901091718203542.jpgO Executivo da DORBE do PCP afirma que “a proposta do Programa Nacional de Investimentos (PNI) 2030” representa para a região, nos investimentos de que tanto necessita, “uma mão cheia de nada e outra de coisa nenhuma”.

A DORBE do PCP frisa que “infelizmente para o desenvolvimento do distrito e bem-estar das populações, o PNI 2030 anuncia/promete que avançará o projeto de eletrificação da linha férrea entre Casa Branca e Beja, ignorando a ligação ao Algarve/Funcheira, transformando-a num ramal”. Que faz o mesmo sobre “o IP8 até Beja, ignorando a necessidade da sua continuação até à fronteira de Vila Verde de Ficalho, tal como está definido no Plano Rodoviário Nacional e que isto significa amputar a região de uma via de comunicação indispensável ao desenvolvimento regional e interligação da mesma às infraestruturas ferroviárias e aeroportuárias”.

Ler e ouvir também aqui.

Comentários recentes

  • Anónimo

    1-Não mais há propriedade individual, a terra não ...

  • Anónimo

    Gosto.Categoria de mensagem. Teria a mesma mensag...

  • Anónimo

    Que outros agentes desportivos ... e já agora polí...

  • Munhoz Frade

    Exemplar.

  • Anónimo

    O problema, é que por mais considerações ideológic...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds