Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

APOIO À CRIAÇÃO DE EMPREGO?

Uma entidade empregadora, com umas dezenas de postos de trabalho permanentes, contrata anualmente para uma campanha produtiva uma dezena de trabalhadores por dois ou três meses.

Entretanto, como é uma entidade empreendedora, vai procurando criar novas áreas de negócio para o que vai criando novos postos de trabalho. Para os preencher tenta aproveitar as medidas de incentivo à criação de emprego, amplamente divulgadas.

Mas será que, na prática, estas medidas são incentivadoras da criação de postos de trabalho? Vejamos apenas um exemplo. A entidade atrás referida apresentou uma candidatura que reúne todas as condições para ser aprovada menos uma… a de manutenção da taxa de emprego líquida. E isto porquê? Porque fez a oferta de emprego uns dias antes de terminar o contrato dos trabalhadores sazonais… Ou seja, porque todos os anos contrata uma dezena de trabalhadores por dois ou três meses, está impedida de beneficiar dos apoios para contratação de trabalhadores sem termo. Falta acrescentar que a informação do indeferimento da candidatura é feito uns meses após a contratação sem termo.

Pergunta-se: O que pode acontecer a um empregador que, feitas as contas, entende contratar uma dezena ou duas de trabalhadores no pressuposto de poder beneficiar daqueles apoios e depois de os ter contratado vê indeferida a candidatura por esta ou outra “razão” semelhante?

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE BEJA REÚNE HOJE

A Assembleia Municipal de Beja reúne hoje, às 18 horas, em sessão ordinária no Salão Nobre do edifício do ex-Governo Civil.

Os eleitos vão votar a delegação de Competências da Assembleia Municipal no Presidente da Câmara no que se refere à repartição plurianual de encargos, a proposta de adesão do Município de Beja à Associação Nacional das Assembleias Municipais e a repartição de encargos relativa à Empreitada de Zona de Acolhimento Empresarial Norte e designar um representante para a CPCJ – Comissão de Protecção de Crianças e Jovens de Beja.

CONFAGRI DEBATE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA EM COOPERATIVAS E EXPLORAÇÕES AGRÍCOLAS EM BEJA

CONFAGRI-768x432.jpg

A CONFAGRI – Confederação Nacional das Cooperativas Agrícolas e do Crédito Agrícola de Portugal com o apoio da FENAZEITES – Federação Nacional das Cooperativas de Olivicultores realiza hoje, no Beja ParkHotel, um Workshop sobre eficiência energética em cooperativas e explorações agrícolas, inserido no projecto SCOoPE financiado pelo programa Horizonte 2020 da União Europeia, que envolve Organizações Cooperativas de Portugal, Espanha, França, Itália, Grécia, Suécia e Dinamarca, bem como Universidades e Institutos de Investigação de Espanha e Itália.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds