Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

ULSBA VAI TER EQUIPA DE APOIO PSICOSSOCIAL

Zé LG, 12.08.18

20180809101212702.jpg

A Fundação “la Caixa”, o Ministério da Saúde e os Governos Regionais das Regiões Autónomas da Madeira e dos Açores impulsionam a criação de 10 equipas de apoio psicossocial, para apoio a pessoas em fim de vida, no âmbito das equipas de cuidados paliativos.

A Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo foi abrangida por uma dessas equipas que são constituídas por profissionais com formação e experiência, para prestar apoio psicossocial e espiritual em situações de doença avançada, com vista a melhorar os aspectos emocionais favorecendo o bem-estar dos doentes e seus familiares.

 

“ISTO É UMA VERGONHA. QUEREM ACABAR COM OS COMBOIOS PARA BEJA?”

Zé LG, 09.08.18

Os problemas no transporte ferroviário na linha do Alentejo parecem não ter fim à vista.

Comboios-Beja-768x432.jpg

Após o incidente da última sexta-feira, em que avariou uma das automotoras que fazem a ligação entre Beja e Casa Branca, obrigando a que os passageiros fossem assistidos pelos Bombeiros Voluntários de Alvito debaixo de temperaturas superiores a 40 graus, outra máquina avariou.

A “princesinha” (na foto), conforme é apelidada por alguns funcionários da empresa, avariou. Por sorte, a máquina parou à saída da estação de Cuba, onde a automotora continua estacionada à espera de reparação, evitando problemas como os verificados na última sexta-feira.

Ontem, quarta-feira, algumas das ligações entre Casa Branca e Beja foram asseguradas por uma empresa de Táxis, com sede em Évora.

A CP trocou os autocarros da Rodoviária do Alentejo por serviços de Táxi na tentativa de reduzir os atrasos na chegada dos passageiros. Ainda assim, pelo menos uma das ligações de ontem “descarrilou”, ou seja, chegou a Beja com cerca de 20 minutos de atraso.

 

Entretanto:

Cuba exige soluções urgentes para a Linha do Alentejo

Município de Cuba exige investimentos na ferrovia

Câmara de Beja vai reunir com CP

FOI FEITO O QUE ERA PRECISO FAZER?!

Zé LG, 07.08.18

incêndio.jpg

Dói assistir a este triste "espectáculo", depois do que se passou no ano passado, das promessas de que tudo iria ser feito para evitar que se repetisse e das garantias de que tudo foi feito para travar tantos custos - humanos, sociais, ambientais, patrimoniais, económicos - provocados pelos incêndios. 

Ainda no Domingo à noite, o responsável nacional da Protecção Civil e o Ministro da Administração Interna "descansaram" as pessoas em risco, dizendo que tudo o que era possível fazer estava a ser feito e que contavam que o incêndio fosse controlado nessa noite. Entretanto, passaram mais dois dias... e já dura há 5 dias! 

Como se pode admitir que, tendo no ano passado técnicos alertado para que o próximo grande incêndio seria em Monchique, não se tivessem tomado todas as precauções - e tem-se visto que tal não aconteceu - para evitar que tal acontecesse?! Como explica o governo que, depois do que aconteceu no ano passado e de tudo o que disse, se tenha registado um incêndio destas proporções e que o mesmo não tenha sido controlado ao fim de 5 dias?! Parece-me que as condições climatéricas adversas são uma explicação mas que não explicam tudo. Exige-se, por isso e em tempo oportuno, que o governo apresente todas as explicações e tire todas as consequências de mais este drama.

CÂMARA DE SERPA VOLTA A DEFENDER GESTÃO PÚBLICA DO HOSPITAL DE S. PAULO

Zé LG, 07.08.18

Hospital-de-Serpa-final--768x432.jpg

A autarquia de Serpa defende que a introdução de novos serviços e especialidades no Hospital de S.Paulo são de grande importância sobretudo para os utentes do concelho, mas considera que a saúde deve ser pública, de fácil acesso e gratuita.

Tomé Pires, presidente da Câmara de Serpa, diz que “O município é frequentemente posto à margem de qualquer negociação destas” e contesta o facto de desconhecer oficialmente o novo acordo assinado recentemente entre a ARS do Alentejo, a ULSBA Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo, a ARS Algarve e a Santa Casa da Misericórdia de Serpa, lembrando que o anterior “acordo de cooperação nunca foi cumprido pelas partes”.

ULSLA ATINGIU “LIMIAR DA RUPTURA”

Zé LG, 07.08.18

201808061654481016.jpg

A Comissão de Saúde considera que “A ULSLA-Unidade de Saúde Local do Litoral Alentejano, E.P.E. atingiu o limiar da ruptura, que limita o acesso da população a cuidados de saúde condignos, especialmente devido ao défice crónico de profissionais médicos, de enfermagem, técnicos de diagnóstico e terapêutica, assistentes operacionais e assistentes técnicos. Ainda segundo a comissão “a carência dos profissionais levou ao encerramento de cerca de 30 camas em várias valências, com os utentes, por vezes, internados em condições provisórias e precárias no Serviço de Urgência”.
A estas preocupações "acresce o aumento da população durante a época balnear que coloca ainda mais pressão nos Serviços de Saúde do Litoral Alentejano".

HOSPITAL DE BEJA VAI TER CONSULTA PARA GRUPOS DE RISCO DE VIH

Zé LG, 06.08.18

201808021018583577.jpg

No Hospital José Joaquim Fernandes, em Beja, vai começar a funcionar, no próximo dia 17, uma consulta hospitalar de Profilaxia Pré-exposição, destinada às pessoas com risco acrescido de aquisição de infecção por VIH, em cumprimento de uma Norma da Direcção-Geral da Saúde, relativa à prevenção da transmissão do VIH.

A consulta, que, para além da avaliação clínica, vai ter um enfoque importante para as questões da educação para a saúde, vai funcionar todas as sextas-feiras, entre as 13.00 e as 18.00 horas, e o acesso é feito por referenciação pelo médico de família e deverá ser efectivada no prazo máximo de 30 dias.
Telo Faria, médico da ULSBA-Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo e Coordenador Regional do Programa para a Prevenção e Controlo da Infecção VIH/SIDA é o coordenador da consulta, numa equipa que é constituída por dois médicos, uma psicóloga, três enfermeiros, uma farmacêutica e uma assistente social.

CUBA VAI CRIAR O ECOPARK DO ALENTEJO CENTRAL

Zé LG, 05.08.18

A Câmara Municipal de Cuba apresentou uma candidatura ao Programa Valorizar – Linha de Apoio à Valorização Turística do Interior, com vista à criação na Barragem de Alvito, perto de Albergaria dos Fusos, do ECOPARK do Alentejo Centra, que vai custar 628 mil euros, cofinanciado em 63%, ou seja, em 400 mil euros.

201807311815354884.jpg

O projeto contempla a construção de um centro de interpretação ambiental, um bar/restaurante de apoio, 8 bungalows, um edifício de apoio às atividades náuticas, rampa de varadouro, ancoradouro, instalações sanitárias e duches públicos, piscina flutuante e uma torre de observação de aves.

MUNICÍPIO DE ALVITO REAFIRMA NOVAMENTE O COMPROMISSO DE GEMINAÇÃO COM ITÁLIA

Zé LG, 04.08.18

imgLoader.ashx.jpg

A geminação de Alvito, de Portugal e Alvito, de Itália, data do ano 2000 e teve na origem a coincidência do nome Alvito, ambos povos latinos, uma realidade económica e cultural bastante próxima e também a proximidade no plano demográfico.

Com a finalidade de reforçar a colaboração entre as duas comunidades, o Município de Alvito reafirma novamente o compromisso de geminação com Itália, volvidos 18 anos após o primeiro acordo entre ambas as cidades.

Entre os pontos mais relevantes da geminação salienta-se o intercâmbio entre escolas e o intuito de contribuir para o desenvolvimento da cooperação humanitária entre os dois municípios.

PILOTOS DA AIR FRANCE VÃO SER FORMADOS EM PONTE DE SOR

Zé LG, 04.08.18

air_france.png

Os pilotos da companhia aérea Air France vão ser formados em Ponte de Sor, na L3 European Airline Academy, da L3 Commercial Aviation, que dispõe dos mais avançados simuladores de voo, incluindo o Airbus A350 RealitySeven Full Flight Simulator os jovens pilotos franceses farão parte da formação.

Serão, anualmente, cerca de 30 os jovens pilotos que receberão formação na escola alentejana, no Aeródromo Municipal da Ponte de Sor.