Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

RURALBEJA - "PATRIMÓNIOS DO SUL"

A RURALBEJA – Feira de Santa Maria foi criada pela Câmara Municipal de Beja em conjunto com a ACOS, o NERBE e a então Região de Turismo da Planície Dourada.

O que motivou a sua criação foi a conclusão de um inquérito que a CMB fez à população sobre a Feira de Agosto, que apontou para o interesse na realização de uma feira, mas noutra altura, e também o compromisso assumido pela ACOS na realização do Campeonato do Mundo de Equitação de Trabalho e do Campeonato da Europa de Horseball.

O formato adoptado foi o da coexistência de várias “feiras” e outros eventos que já se tinham realizado e que se pretendia reactivar ou dinamizar, a que se juntaram outros como os atrás referidos.

O modelo organizativo adoptado foi o de uma promoção e organização conjuntas, embora, na prática e formalmente, assentes na ACOS, de forma a aproveitar a sua experiência na organização da OVIBEJA, a facilitar a apresentação de candidaturas aos fundos comunitários e a ter uma gestão administrativa menos condicionada, contando com o apoio logístico e financeiro do Município e com entradas e cedência de espaços pagos.

Com o passar dos anos, a RURALBEJA foi-se afirmando progressivamente como uma alternativa de Outono à OVIBEJA, passando a sua organização a assentar cada vez mais na ACOS.

As dificuldades começaram a surgir quando a CMB passou a não cumprir os compromissos financeiros assumidos, sobrecarregando a ACOS e gerando mal estar na cooperação entre as duas entidades. Esta situação atingiu a ruptura num ano em que a CMB recusou comparticipar com a verba necessária para a sustentação da realização da Feira e assumiu a sua organização.

A partir daí a CMB foi introduzindo alterações, por vezes erráticas, no formato e no modelo organizativo da Feira, com redução de receitas e aumento progressivo de despesas, nunca divulgadas com clareza, devido à sua distribuição por várias rubricas do orçamento municipal..

Pelo caminho, a Feira adoptou ainda o nome de Experiências do Sul, tal como agora se vai chamar Patrimónios do Sul, o que me parece contrário ao interesse na afirmação de uma MARCA. As explicações apresentadas, antes e agora, pelos Executivos do PS para a mudança do nome pouco ou nada a justificam, a não ser para fazer parecer que estão a criar uma “coisa” nova. O actual Executivo do PS parece não só pretender afirmar a diferença em relação aos Executivos da CDU mas também ao anterior do PS...

Deixo, para concluir, uma pergunta: Porque não chamar à Feira (ou evento) RURALBEJA - Patrimónios do Sul? Dessa forma, mantinha-se a afirmação da MARCA e sugeria-se o que se pretende valorizar com a realização da Feira.

“PROTEGE-ME” NA PRAIA DA MINA DE S. DOMINGOS

Exposição_Bichos_final.jpg

 

No âmbito do Programa Bandeira Azul, a Câmara Municipal de Mértola promove na Praia da Albufeira da Tapada Grande, na Mina de S. Domingos, a exposição “Protege-me – espécies a preservar neste ambiente”.

 

A exposição vai estar patente ao público até dia 24 de agosto e tem como objetivo principal dar a conhecer as espécies de fauna e flora em redor da albufeira, alertando para necessidade de preservação de todo o ecossistema do local.

 

Para além da exposição, os banhistas podem participar noutras iniciativas do Programa Bandeira Azul 2018, como é a Caravana do Ambiente e a Biblioteca de Praia.

JARDIM MUNICIPAL DE SERPA REABRE AO PÚBLICO

20180814091506711.jpg

O Jardim Municipal de Serpa reabre as suas portas ao público, nesta 4ªfeira, dia 15 Agosto, às 18.00 horas, depois de ter recebido obras de reabilitação, contemplando designadamente a vegetação, o bar, o lago, o parque infantil e o parque de cães, entre outros.

O Jardim Municipal vai estar aberto entre as 8.00 e as 24.00 horas, durante este período de Verão.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds