Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

BEJA MERECE +

petição.jpg

Há empresas que estão a investir na agricultura e na agro-indústria. Há investidores interessados na região para exploração da cadeia de valor aeronáutico. Há gente que quer trabalhar no Baixo Alentejo pela qualidade de vida que representa e que pode proporcionar às pessoas. O turismo cresceu exponencialmente, mas o investimento público é quase nulo, se lhe retirarmos o Alqueva. Aumentamos os níveis de produtividade em toda a Região, contribuindo para o equilíbrio da nossa balança comercial.

O Baixo Alentejo precisa de melhores estradas e de proporcionar condições para instalação de novas empresas e de fixação de população; a ferrovia está completamente degradada e o serviço de comboios vergonhoso; a ULSBA não tem condições operacionais para suportar qualquer oscilação demográfica. Instalações exíguas, falta de meios humanos e materiais. No entanto continuamos esquecidos pelo poder central e centralizador, que não olha para a contínua desertificação demográfica que nos atinge.

Existe um profundo mal-estar em relação ao investimento público. Os abaixo assinados exigem que sejam retomadas e concluídas as obras do IP8/A26, a electrificação do troço ferroviário Casa Branca – Beja – Funcheira, o total aproveitamento do aeroporto de Beja e melhores serviços de saúde para a região.

Assine aqui a petição

Comentários recentes

  • Anónimo

    Não podes estar mais longe. O eterno e sempre à mã...

  • Anónimo

    Se há tanta clarividência acerca da geringonça com...

  • Anónimo

    Sem dúvida, sobretudo os grandes interesses capita...

  • Anónimo

    Tal e qual ... até que enfim que alguém vai ao cer...

  • Anónimo

    Esta técnica de mal-dizer é cronicamente utilizada...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds