Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

CONSTRUÇÃO DA FÁBRICA DE COMPONENTES DE AVIÕES ARRANCA EM GRÂNDOLA

Zé LG, 19.01.18

gfder.jpg

Foi um auditório lotado que recebeu ontem a apresentação pública da Lauak Grândola, a empresa da indústria aeronáutica francesa que previu inicialmente instalar-se em Évora mas que acabou por escapar para Grândola. Com um investimento previsto superior a 32 milhões de euros, a fábrica que vai produzir materiais compósitos e portas de bagageira de carga para a Airbus, arranca com a construção da fábrica durante o próximo mês e prevê estar a produzir em 2019.

Para esse ano estão previstos 100 trabalhadores, mas em 2023, segundo Armando Gomes, o responsável da empresa, a Lauak já terá contratados 325 trabalhadores.

A sessão pública de apresentação do projeto serviu também para a recolha de candidaturas a trabalho na empresa, num processo de recrutamento que vai decorrer durante o ano de 2018.