Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“2018 é um ano que acaba mal na área da saúde, na região” e no próximo muita coisa se pode agravar?

Zé LG, 18.12.18

2018 é um ano que acaba mal na área da saúde, na região

201812171816172059.jpg

Para o presidente do Conselho Sub-Regional de Beja da Ordem dos Médicos a dificuldade de fixação de profissionais de saúde está ligada, necessariamente, à falta de desenvolvimento sentida noutras áreas. A juntar a tudo isto estão, igualmente, as dificuldades financeiras que invalidam a renovação de equipamentos e instalações, assim como as perspetivas de cortes no orçamento da ULSBA para 2019, situações que levaram Pedro Vasconcelos a dizer que 2018 é um ano que acaba mal e que faz pensar que no próximo muita coisa se possa agravar.

 

PSD de Alvito pede a demissão do Conselho de Administração da ULSBA

“A ULSBA falha cumprimento de indicadores de contratualização” e “o Governo penaliza a saúde da população com um corte de 1,3 milhões de euros” denuncia a Concelhia de Alvito do PSD, pedindo a demissão do Conselho de Administração da ULSBA. Contactado pela Voz da Planície, o Conselho de Administração da ULSBA diz que “não faz qualquer comentário”.

11 comentários

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Parece que estamos no blog "Por entre tachos e panelas"

  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Uma boca, para denegrir o debate que este blogue proporciona. Vá mandar bocas dessas para outro lado.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Picaste-te com o tacho ou com a panela?
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Utensílios de cozinha é noutra secção.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    " Eu sou mestre de culinária
    e sei enfeitar a travessa "
    Joaquim Barreiros
  • Sem imagem de perfil

    Munhoz Frade 18.12.2018

    Assim se abandalha um assunto sério. Quem lhe paga o servicinho?
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Abandalhar um assunto sério é querer separar o que se passa na ULSBA do que se passa no resto do pais.
    É vir para aqui uma vez e outra, ano após ano, defender interesses pessoais e politicos pouco claros, não que seja o seu caso.
    É enlamear uma instituição puxando para aqui os problemas da mesma para que uns quantos ao abrigo do anonimato mostrarem as suas invejas, má formação e mau carácter.
    Eu não faço servicinhos, mas quem vem para aqui debater os assuntos nos termos em que todos os outros observamos, de certeza estão a prestar um mau serviço á ULSBA.
    Um santo Natal Dr.
  • Sem imagem de perfil

    Munhoz Frade 18.12.2018

    Já falei aqui do que se passa no país no que respeita à política de Saúde. É claro que o resultado do atual debate e confronto entre diferentes visões dos contornos do SNS terá consequências sobre a situação em Beja. Mas até agora algumas especificidades da interioridade do Baixo Alentejo teriam exigido uma estratégia própria. Sem separar as diferenças dos contextos global e regional, não haverá possibilidade de desenhar medidas adequadas à resolução das nossas carências. Dizer isto não é enlamear ninguém nem prestar um mau serviço à ULSBA. Quanto se levantam suspeições sobre "agendas ocultas" e supostas ambições pessoais de quem aqui vem tecer análises críticas, isso sim é mau serviço. Tenho procurado contribuir para o esclarecimento dos meus concidadãos com o meu conhecimento profissional, desenvolvido em Beja, desde 1980 até aos dias de hoje. Tenho participado com as minhas opiniões, expressando-as o mais claramente que consiga. Também já aqui disse, e reafirmo, que mandarem-me calar recorrendo a insinuações difamatórias não resulta. Falo quando entendo ser necessário e calo-me quando quero.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 18.12.2018

    Então se é para dizer que os outros estão a fazer um servicinho mais valia estar calado.
    Bem haja para si também.
  • Sem imagem de perfil

    Anónimo 19.12.2018

    Se não estão a fazer um servicinho porque se escondem no anonimato?
  • Comentar:

    Mais

    Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

    Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.