Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

como é possível?!

Zé LG Zé LG, 09.09.17

Duas senhoras gémeas trataram dos seus pedidos de reforma juntas, no mesmo dia e à mesma hora. Uma já recebeu a notificação da aprovação do pedido e do montante da pensão, que já recebe, há três meses. A outra ainda não recebeu qualquer notificação. 

O que é que pode explicar uma situação destas, quando a própria funcionária que as atendeu comentou, na altura, que bastava mudar o nome e o número de identificação, porque, para além de serem gémeas,  tinham percursos contruibutivos exactamente iguais?!

 

BRASILEIROS VÃO INSTALAR FÁBRICA DE TRANSFORMAÇÃO DE COCO EM VENDAS NOVAS

Zé LG Zé LG, 09.09.17

Labcoco-Vendas-Novas-360x287.jpg

Uma fábrica de transformação de coco vai ser instalada em Vendas Novas. O investimento de 7 milhões de euros deverá criar diretamente 80 postos de trabalho. Vinda do Brasil, a Labcoco, vai utilizar matéria prima produzida no seu país de origem, para desenvolver e criar diversos derivados alimentares deste fruto. A empresa brasileira passa a estar dentro do Mercado Único Europeu, espaço destinatária da produção.

BE DIZ QUE BEJA PRECISA DE NOVAS SOLUÇÕES

Zé LG Zé LG, 09.09.17

be.jpg

A líder do Bloco de Esquerda, Catarina Martins, que participou na apresentação dos candidatos a Beja, afirmou que Beja precisa de novas soluções, porque as velhas já provaram não conseguir dar resposta aos problemas com que se debate.

José Pedro Oliveira, o candidato do BE à presidência da Câmara de Beja, passou em revista, as principais propostas do programa do BE para o concelho, destacando as questões da inclusão, o apoio ao associativismo e a introdução da democracia participativa, incluindo os orçamentos participativos

José Pedro Oliveira disse ainda, que os funcionários da autarquia têm de ser mais valorizados e garantiu que o BE representa as pessoas, não as substituí.