Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

HÉLDER GUERREIRO NOMEADO VOGAL DA COMISSÃO DIRECTIVA DA AUTORIDADE DE GESTÃO DO PORALENTEJO

Zé LG, 10.02.17

090220171705-117-helder.JPG

vice-presidente da Câmara de Odemira foi ontem nomeado como vogal da comissão directiva da Autoridade de Gestão do Programa Operacional Regional do Alentejo.

Hélder Guerreiro vai ocupar um cargo que estava vago desde 2015.

O Governo pretende com esta designação “assegurar o regular e normal funcionamento da Autoridade de Gestão”.

Hélder Guerreiro junta-se na CCDR Alentejo a dois nomes do distrito de Beja com cargos de chefia: Jorge Pulido Valente (Vice-presidente) e Filipe Palma (representante dos municípios alentejanos no Programa Operacional).

ALUNOS DA ESCOLA DE SANTIAGO MAIOR EM PROTESTO POR MELHORES CONDIÇÕES

Zé LG, 10.02.17

060220170924-965-IMG_2578.JPG

Depois dos pais e encarregados de educação dos alunos da Escola de Santiago Maior terem fechado o estabelecimento de ensino na segunda-feira, hoje são os estudantes que querem impedir o acesso e fazer ouvir os seus protestos. Os estudantes da Santiago Maior querem melhores condições de ensino e prometem continuar a lutar até se fazerem ouvir.

Esta manifestação é para denunciar, uma vez mais, que é necessário investimento na escola, que os alunos estão solidários e recordam que contam com o apoio da Direção, da Junta de Freguesia e da Câmara Municipal. Esta é uma manifestação para dizer ao Governo que os estudantes desta Escola exigem condições para estudar, o objetivo é não deixar ninguém entrar e continuar a lutar até os problemas estarem resolvidos. As declarações são da aluna Sofia Ramos, da Escola de Santiago Maior.

Os alunos também reivindicam mais pessoal auxiliar, mas existem muitas outras necessidades que urgem exigir e Sofia Ramos deixa claro quais são.