Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

MANUEL MARIA BARROSO AFIRMA QUE “A PREOCUPAÇÃO NÃO DEVE ESTAR ORIENTADA PARA OS RANKINGS”

Manuel_Maria_Barroso-1813.jpg

O delegado regional de Educação do Alentejo considera que “mais do que se procurar hierarquizar escolas pelos resultados objetivos de algumas das provas escolares, importa pensar na qualidade e sentido de responsabilidade com que cada uma delas funciona”. Em entrevista ao “Diário do Alentejo”, Manuel Maria Barroso afirma, no entanto, que “alegra-nos que duas escolas da nossa região alentejana figurem” nos primeiros lugares dos rankings elaborados em dezembro último pela comunicação social. O responsável diz ainda que, “de uma forma geral, as escolas da região Alentejo estão a funcionar regularmente”, frisando, contudo, que, “como se sabe, há situações pontuais onde são necessárias intervenções, umas com maior relevância que outras”.

 

O Alentejo é uma região que vem registando uma significativa mudança nos fatores de desenvolvimento, razões suficientes para que o futuro seja tomado com otimismo. Serão esses fatores que influenciarão a nossa demografia escolar, as nossas escolas, os nossos equipamentos e as ofertas educativas e formadoras. Os resultados do ranking atrás referido são mais um sinal desta mudança que se vem notando.

Leia a

entrevista com texto Nélia Pedrosa e fotos José Ferrolho, no Diário do Alentejo.

FRIO NO CENTRO DE SAÚDE DE BEJA

200120171716-117-ORDEMEDICOS.jpg

O Conselho Sub-Regional de Beja da Ordem dos Médicos denuncia a existência de “problemas recorrentes e frequentemente graves” com a climatização do Centro de Saúde de Beja.

Em causa está a “inactividade” dos sistemas de ar condicionado “o que só não se torna mais dramático pelo facto de em alguns espaços haver uns (poucos) aquecedores, alguns dos quais comprados por profissionais do Centro de Saúde do seu próprio bolso, em anteriores anos”.

A Ordem fala “de más condições de espera e atendimento dos utentes e de trabalho para os profissionais, ora sujeitos ao calor, ora ao frio, sem qualquer respeito pelo conforto e dignidade de uns e de outros”.

Numa altura em que se multiplicam alertas, torna-se “verdadeiramente caricato que num Serviço de Saúde se divulguem tais alertas, e simultaneamente seja aí que as mesmas medidas sejam negligenciadas, ano após ano”.

MORREU ARTUR TRINDADE

ArturTrindade.jpg

O antigo secretário-geral da Associação Nacional de Municípios Portugueses (ANMP) Artur Trindade morreu ontem.

Artur José Pontevianne Homem da Trindade, de 70 anos, que foi também presidente da Câmara de Porto de Mós, distrito de Leiria, entre 1978 e 1985, desempenhou o cargo de secretário-geral da ANMP entre 1986 e 2013.

O antigo autarca, eleito pelo PSD, tinha sido homenageado, recentemente, em Porto de Mós, e recebeu, em 2016, o Prémio do Poder Local instituído pelos Autarcas Social-democratas.

O corpo do Eng. Artur Trindade encontra-se em câmara ardente na Capela Velório de Mira de Aire, tendo a cerimónia fúnebre lugar hoje, terça-feira, às 16h00, na Igreja Matriz de Mira de Aire, seguindo para o cemitério local, onde ficará depositado.

À família apresento as minhas condolências.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Porquê?

  • João Espinho

    @nónimo 17.09.2019 07:25 - estranho seria se o ...

  • Anónimo

    Qual dos porquinhos?

  • Anónimo

    O que é estranho é o desinteresse do DA pelo tema.

  • Anónimo

    Muitos daqueles que foram bater palminhas ao Antón...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds