Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

ASSEMBLEIA MUNICIPAL DE BEJA “SAÚDA” OS 40 ANOS DO PODER LOCAL DEMOCRÁTICO

A Assembleia Municipal de Beja recorda, em nota de imprensa, que no dia 12 de Dezembro assinala-se o dia da realização das primeiras eleições livres e democráticas para as autarquias locais em 1976.

A Assembleia Municipal de Beja saúda os 40 anos deste momento maior da democracia fruto do 25 de Abril de 1974, para o concelho e para o país. Saúda e presta homenagem a todos sem excepção que, nos diversos órgãos autárquicos do concelho de Beja, desde esse primeiro dia, deram muito das suas vidas ao serviço da população e do desenvolvimento do concelho e da região como afirma, Bernardo Loff, presidente da Assembleia Municipal de Beja.

NÃO É JÁ TEMPO DE BEJA HOMENAGEAR OS FUNDADORES DO SEU PODER LOCAL DEMOCRÁTICO?!

FEPU 1 001.jpgHá 40 anos, precisamente neste dia, que se realizaram as primeiras eleições livres e democráticas para as autarquias locais. Em Beja ganhou a FEPU, cuja lista candidata à Câmara Municipal foi encabeçada por José da Silva Reis Colaço, que já fora escolhido para presidente da Comissão Administrativa, logo após o 25 de Abril. 

Decorridas quatro décadas, não é já tempo de Beja - em particular a Câmara Municipal -, de evocar esses homens e mulheres bons que, com uma dedicação e ligação às populações inigualáveis, souberam interpretar e priorizar as suas necessidades e, com os limitados recursos, conseguiram em meia dúzia de anos satisfazer as mais básicas, transformando radicalmente a qualidade de vida no concelho?!

Espero que a Câmara Municipal ou, se esta não tiver essa inciativa, a Assembleia Municipal promova umas comemorações dignas das quatro décadas de Poder Local Democtático, designadamente uma justa e merecida homenagem ao José Colaço e, através dele, a homenagem a todos os que participaram nessa gesta histórica.

 

CASTRO VERDE EVOCA 40 ANOS DE PODER LOCAL DEMOCRÁTICO

101220162212-119-CastroVerde40anosPoderLocal.jpgA Assembleia Municipal de Castro Verde promove, hoje, uma Sessão Solene Evocativa dos 40 Anos do Poder Local Democrático.

Neste 12 de Dezembro, cumpre-se o 40º aniversário das primeiras Eleições Autárquicas em Portugal, data simbólica que instituiu o Poder Local Democrático com autonomia consagrada constitucionalmente, com competências próprias e órgãos eleitos por mandato, pelo voto popular.

CÂMARA DE MOURA DISTINGUE DOIS AUTARCAS ELEITOS ININTERRUPTAMENTE HÁ 40 ANOS

A Câmara de Moura entrega hoje a Medalha de Mérito Municipal a dois autarcas mourenses que têm sido eleitos ininterruptamente há quatro décadas.

Francisco Farinho e Manuel Bravo são os distinguidos, que “Ao longo destas quatro décadas, muitos foram os que deram o seu contributo para o desenvolvimento deste concelho”.

A proposta, aprovada por unanimidade pela Câmara de Moura, lembra que hoje passam 40 anos sobre a data das primeiras eleições livres para as autarquias locais.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Exactamente!"O tempo é o único capital das pessoas...

  • Anónimo

    Boa notícia, nos tempos conturbados actuais.

  • Anónimo

    O caro(a) CGP pode sempre juntar-se ao Beja Merece...

  • Anónimo

    Vamos lá ver......Gostava muito mais que fossem an...

  • Anónimo

    Torna-se importante reflectir se cada um de nós e...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds