Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

ASSESTA É APRESENTADA ESTE SÁBADO NA BIBLIOTECA MUNICIPAL DE BEJA

Zé LG Zé LG, 22.01.16

210120161842-965-ASSESTA.jpgA Biblioteca Municipal de Beja recebe neste sábado, dia 23, pelas 16.00 horas, a apresentação pública e oficial da ASSESTA – Associação de Escritores do Alentejo.
A sessão deste sábado abre com as palavras da bibliotecária Paula Santos, segue-se a intervenção do vereador da Câmara de Beja Vítor Picado, depois intervém Luís Miguel Ricardo, presidente da Direção e os convidados Galopim de Carvalho e Paula Amendoeira, diretora Regional de Cultura do Alentejo.
A apresentação é animada com contos do Alto Alentejo, por Joaninha Duarte, narrativas do Baixo Alentejo, por Jorge Serafim, música do Alto Alentejo, pelo Grupo MaZéi, microcontos e contos do Alentejo Litoral, por Fernando Guerreiro e poesia do Baixo Alentejo, por Napoleão Mira.

PORTUGAL PRECISA DE UM PR QUE RESTITUA O GENUÍNO SIGNIFICADO A PALAVRAS COMO “HONRA”, “NOBREZA” E “BONDADE”

Zé LG Zé LG, 22.01.16

12540714_451708398358256_4415184612646968456_n.jpgSão os cidadãos, as pessoas - com as suas escolhas individuais e colectivas – que fazem verdadeiramente um país. No dia 24 de Janeiro os Portugueses vão ser chamados a escolher o seu mais alto representante - o Presidente da República. Sou uma cidadã sem filiação partidária mas que sempre exerceu o seu direito de voto. Nestas eleições e pela primeira vez, ao aceitar o honroso convite para ser mandatária pelo distrito de Beja da Candidatura do Prof. Sampaio da Nóvoa, decidi envolver-me activamente numa campanha. Faço-o porque o passado de Sampaio da Nóvoa como professor e reitor, os inúmeros textos que escreveu ao longo de muitos anos e a sua postura como candidato a estas eleições, fazem-me acreditar que estou perante uma pessoa superiormente inteligente, ponderada e com o devido espírito de missão para assumir a função de representar todos os Portugueses. Portugal precisa de um Presidente da República que contribua para restituir o genuíno significado a palavras que fazem parte do conceito de dignidade humana e que suportam um ideal de civilização. Refiro-me, por exemplo, a palavras como “honra”, “nobreza” e “bondade”. E precisa igualmente de um Presidente da República que ajude, depois, a devolver essas palavras às pessoas… Tenho profunda convicção que essa pessoa é António Sampaio da Nóvoa.
Ana Paula Figueira
Mandatária do distrito de Beja

PRECISAMOS DE UM PRESIDENTE QUE REAFIRME AS FUNÇÕES SOCIAIS DO ESTADO

Zé LG Zé LG, 22.01.16

nelson.jpgSampaio da Nóvoa afirmou: "…A democracia que fomos construindo, e a Constituição que daqui a pouco celebrará 40 anos, foi construída em nome da igualdade de oportunidades. Da certeza que somos todos iguais perante a lei. Da certeza que, na nossa República, qualquer soldado raso pode chegar a general…".

Quem assim pensa terá sempre lugar em Aljustrel, terra de ilustres republicanos: Manuel Joaquim Brando, António Lobo Aboim Inglês e, a nossa grande figura do republicanismo, Manuela de Brito Camacho.

Atentemos pois às seguintes palavras: “… Se o nível intelectual subisse, o valor de muita gente baixava, porque se tornaria manifesta a sua incompetência para ascenderam às posições que ocupam. A ignorância, mais que a preguiça, é a mãe de todos os vícios, porque, embora não tire ao homem o lugar que ocupa na escala zoológica, reduz a pouco mais de nada a sua categoria social, o seu valor como cidadão…”.