Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

PCP PROPÕE CRIAÇÃO DE FREGUESIAS EXTINTAS

141120131242-178-JooRamosAR.jpg«Naquele sentido deram entrada no final de 2014 e foram admitidos na semana passada, projetos de lei da autoria do PCP, para a criação das freguesias de Aljustrel e de Rio de Moinhos, no concelho de Aljustrel e das freguesias de Vale de Vargo e de Vila Nova de S. Bento, no concelho de Serpa, tal como explicou à Voz da Planície, João Ramos, o deputado do Partido Comunista Português, eleito por Beja.
João Ramos recordou ainda, que o Grupo Parlamentar do PCP sempre contestou o processo de extinsão de freguesias promovido pelo atual Governo PSD/CDS, que votou contra as propostas de extinção apresentadas e que já tinha dado entrada a dois projetos de lei, em abril de 2014, para a criação das freguesias de Trindade e de Albernoa, no concelho de Beja.»
In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4839

“O QUE É OBRA DE UM CA EM SAÚDE?”

«Há já quem considere obra as reparações dos edifícios, dos equipamentos, etc...
Como se mede a "obra em saúde"? O que é uma boa gestão de um Conselho de Administração? Estes são temas e assuntos de gestão muito bem estudados e que poderíamos começar por aí para chegarmos à conclusão que "obra"precisa a ULSBA que seja feita? Essa "obra" será com certeza aquela que o próximo CA da ULSBA tem que saber identificar e fazer dela o "corpo"do seu plano de negócios. Elaborado o plano de negócios, terá que ser aprovado e operacionalizado. Depois de tal tarefa, a dita "obra"" terá que ser avaliada/medida/conhecida/observável e dela ser dado conhecimento, antes e depois, ao seu público interno e externo. Só depois desta missão cumprida e avaliada poderemos dizer se houve ou não houve "OBRA". Ora a todo este trabalho não são alheios os recursos disponíveis, materiais e humanos, os "outcames"....os orçamentos....os resultados financeiros...
Agora a falar de obra por causa de uns edifícios que se construíram, umas paredes...em dívida...gastos públicos como tantos outros sem qualquer monitorização e avaliação, É DEMAIS.HÁ que dizer BASTA!
Temos que ter outro tipo de exigência porque o profissionalismo o exige; os doentes precisam de ser tratados e ter respostas necessárias; e os contribuintes querem o seu dinheiro gasto em verdadeira "obra".»
Comentário de Profissional de gestão a 13 de Janeiro de 2015 às 21:22, em: http://alvitrando.blogs.sapo.pt/assim-vai-a-saude-no-distrito-de-beja-2850256?view=6863056#t6863056

MUSEU REGIONAL DE BEJA PASSA OU NÃO PARA A CIMBAL?

170520131741-6-MUSEUREGIONALDEBEJA.jpgO Conselho Intermunicipal da CIMBAL - Comunidade Intermunicipal do Baixo Alentejo decidiu hoje aceitar o património e os trabalhadores da Assembleia Distrital. A proposta foi aprovada pela maioria CDU com os votos contra dos autarcas socialistas.
A proposta apresentada pelo PS previa algumas condições como a aceitação por parte da Câmara de Beja, no prazo de 3 anos, do património e dos funcionários.
A última palavra cabe à Assembleia Intermunicipal da CIMBAL, onde o PS tem maioria.

Ver e ouvir em:
http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=6043
http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=4835

Comentários recentes

  • Anónimo

    alguém pode dizer onde é este lugar?

  • Anónimo

    Concordo a 1000% com M. Frade.Pode-se, rádios, jor...

  • Quim

    Foi a conclusão que EU tirei. Mas não fui o unico....

  • Anónimo

    voto em branco

  • Anónimo

    voto em branco

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds