Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

TRILHOS DO CONTRABANDO

Zé LG, 23.09.14

Trilhos do Contrabando é a temática sobre a qual incide a III Sessão do Ciclo de História Local e Regional, decorre no próximo dia 27 de setembro de 2014, com ponto de encontro para as 18:00 horas junto ao antigo Posto da Guarda da Aldeia de Montejuntos (Freguesia de Capelins, concelho do Alandroal). 

A atividade com duração aproximada de três horas, destinada a toda a comunidade, a curiosos por História Local e Regional, a interessados em caminhadas conta com a presença do arqueólogo Luís Lobato de Faria, Presidente da Associação Projecto Raia Alentejana. Com a iniciativa ambiciona-se alertar a comunidade para as questões históricas, explorar a temática da Guerra Civil de Espanha e Regime Ditatorial em Portugal, dar a conhecer e efetuar o trajeto percorrido por contrabandistas e recordar memórias e histórias da fronteira. 

A sessão cuja participação é gratuita tem inscrição através de https://docs.google.com/forms/d/1RL78xHXxviTo0cT42iT3KvkClfFGumrSQdQqxPGzMb4/viewform?usp=send_form

Recomenda-se para participação na iniciativa, o uso de calçado e roupa confortável, e aconselha-se a levar lanterna pois parte do percurso é noturno.

Mais informação:

• CLA da Universidade Aberta em Reguengos de Monsaraz (Rua da Caridade nº 17, 1º andar – 7200 Reguengos de Monsaraz) | cla_regm@uab.pt | 266 503 313 | 915 676 324

• Associação Projecto Raia Alentejana (APRA) | raiaalentejana@gmail.com | 965670853 | 966658519

“Empreendedorismo, Inovação e Investimento no Interior” em debate em Ferreira do Alentejo

Zé LG, 22.09.14

É este o tema da segunda conferência, que se realiza no dia 25 de Setembro, quinta-feira, pelas 20h30, na sede da União de Freguesias de Ferreira do Alentejo e Canhestros, no âmbito do ciclo de conferências “Cidadania, Território & Desenvolvimento”, organizado pela ADTR - Associação de Desenvolvimento Terras do Regadio e pela Caixa de Crédito Agrícola de Ferreira do Alentejo.
Esta conferência conta com os oradores António Saraiva - Presidente da Confederação da Industria Portuguesa / CIP e António Cebola - Consultor de Empresas, Ex – Coordenador do Núcleo Regional do IAPMEI de Évora.
In: http://www.cm-ferreira-alentejo.pt/index.php/agenda/1693/event_details#.VByyOleBXTA

“O 25 de Abril e o Poder Local Democrático” em debate em Évora

Zé LG, 21.09.14

No âmbito das comemorações dos 40 anos do 25 de Abril, irá decorrer um evento no próximo dia 10 de Outubro, no Palácio de D. Manuel, em Évora que incluí a realização de uma Conferência, a inauguração de uma Exposição e um jantar convívio, promovido pela CIMAC, Comunidade Intermunicipal do Alentejo Central.  

Pretende analisar as quatro décadas de poder local em Portugal, promovendo a reflexão e discussão sobre as estratégias e caminhos de interesse no atual contexto social e económico para autarquias e cidadãos.

In: http://www.cimac.pt/convida/

Mértola + (Mértola Acessível, Inclusiva e Saudável) na semana Europeia da Mobilidade 2014

Zé LG, 20.09.14

Está a decorrer desde a passada terça-feira, a Semana Europeia da Mobilidade, em Mértola. O programa estende-se até à próxima segunda, com exposições, passeios e o Dia Sem Carros. As actividades pretendem sensibilizar para as temáticas do ambiente e do desenvolvimento sustentável.

O tema central da semana Europeia da Mobilidade 2014 são “As nossas ruas, a nossa escolha”. Segundo a autarquia, está é “uma oportunidade para incentivar um conjunto de acções do projecto Mértola + (Mértola Acessível, Inclusiva e Saudável) que pretende promover Mértola como uma localidade mais viva, limpa e acessível para todos”.

No seguimento destas preocupações, Margarida Fortunato, da Câmara Municipal de Mértola, assume que existem locais que continuam de difícil acesso para deficientes motores e visuais. A mesma responsável adianta que a autarquia vai, em parceria com os comerciantes, avançar com um plano de remoção das barreiras arquitectónicas de modo a tornar a vila mais acessível.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5055

Alvito vai ter Ponto Electrão no quartel dos Bombeiros

Zé LG, 19.09.14

A Amb3E – Associação Portuguesa de Gestão de Resíduos, anuncia a instalação de três Pontos Electrão nos quartéis dos Bombeiros Voluntários de Almodôvar, Alvito e Moura.  

Os habitantes destas localidades poderão entregar gratuitamente e de forma prática os seus Resíduos de Equipamentos Eléctricos e Electrónicos (REEE) promovendo o devido encaminhamento destes para reciclagem. Ao mesmo tempo ajudam os bombeiros que, por cada tonelada recolhida, receberão uma contribuição financeira por parte da Amb3E.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5036

Associações voltam a servir refeições escolares em Beja

Zé LG, 18.09.14

A autarquia de Beja assinou protocolos com seis associações locais para fornecimento de refeições escolares dos estabelecimentos de educação pré-escolar e 1º ciclo da rede pública do concelho. No final todos frisaram que se ganhou em qualidade.

O vereador Vítor Picado explicou que a empresa que assegurava aquele serviço não conseguiu corresponder ao esperado, que a sua prestação de serviços terminou em Julho passado e que esta é uma solução, legal, que garante a melhoria da qualidade das refeições.

Através desta nova dinâmica fomenta-se a economia local, porque as instituições compram no concelho e consegue-se por um valor, mais ou menos idêntico ao do ano anterior, ter mais qualidade e ver o número de alunos que opta por fazer as suas refeições nas escolas aumentar, frisou também Vítor Picado.

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=3868

PS propõe investimento de 5,5 milhões de euros em Beja

Zé LG, 18.09.14

O grupo de eleitos do PS na Assembleia Municipal de Beja, respondendo ao convite do presidente da Câmara, entregou no prazo estabelecido, propostas para o Orçamento Municipal e Grandes Opções do Plano para 2015. 

Do documento constam as opções consideradas prioritárias, num valor de 5,5 milhões de euros e que visam o aumento da qualidade de vida e renovação progressiva da cidade num futuro próximo, frisou Paulo Arsénio, o líder da bancada socialista da Assembleia Municipal de Beja.

Paulo Arsénio disse, igualmente, que as propostas apresentadas são ambiciosas e com custos significativos, mas que apontam sobretudo, para projectos em que já se apostou e que se revelaram bem-sucedidos, deixando alguns exemplos concretos.

O líder da bancada socialista deixou ainda, bem claro que fica ao critério da autarquia, a inclusão de todas as propostas ou de algumas delas, num só ano, ou a sua divisão numa fase plurianual.

Jorge Pulido Valente lamenta que o trabalho de preparação do Orçamento de 2015 e da estratégia até 2017 seja feito com recurso a empresas privadas, algumas estrangeiras, sem concurso, “gastando milhares de euros do orçamento municipal”. Trata-se de uma “aberração” nas palavras do antigo presidente da Câmara de Beja. Pulido Valente não compreende as razões que levam a maioria CDU a deixar os quadros da Câmara fora deste processo. O vereador do PS acrescenta que este deve ser “caso único nas Câmaras do Partido Comunista”

Ler e ouvir mais em: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=3865 e http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5033

ULSBA desmente acusações de familiares de Maria Luísa Horta"

Zé LG, 18.09.14

A ULSBA assegura que “não é verdade que a utente não tenha feito sequer “uma simples radiografia”, conforme adiantou um familiar. E acrescenta “durante as assistências prestadas no Serviço de Urgência do Hospital José Joaquim Fernandes – Beja, a doente fez, não uma, mas duas radiografias, uma ecografia e um eco-dopller. Foram pois, realizados os meios complementares de diagnóstico adequados ao esclarecimento da sua situação clínica”, conclui.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5030 e

Anónimo a 17 de Setembro de 2014 às 07:54, em: http://alvitrando.blogs.sapo.pt/familia-pondera-apresentar-queixa-2772425#comentarios

CDU afirma que sempre defendeu a Assembleia Distrital e os trabalhadores do Museu

Zé LG, 17.09.14

A deliberação da Assembleia Distrital de Beja de transferir a universalidade dos seus bens, onde se inclui o Museu Regional e os seus trabalhadores, para a CIMBAL decorre da imposição da lei aprovada este ano pela Assembleia da República, que obriga a passar o património das assembleias distritais pela seguinte ordem e entidades: para as CIMs; uma câmara municipal do respectivo distrito ou, para uma associação de municípios local. Nos termos constitucionais, as assembleias distritais não podem ser extintas enquanto não existirem as regiões administrativas ou não for alterada a constituição.

A Coordenadora distrital de Beja da CDU reafirma que, perante a imposição legal da transferência e nestes prazos, a passagem nesta fase para a CIMBAL, é a que mais se ajusta, quer às características e simbolismo regionais do património e realidade que constituí a Assembleia Distrital, quer ao volume do esforço financeiro exigido para garantir o seu funcionamento, incomportável para qualquer município isoladamente considerado.

A CDU sempre defendeu a Assembleia Distrital e os trabalhadores do Museu, quer em situação de maioria, quer quando em minoria na mesa da Assembleia. As autarquias da CDU nunca reduziram unilateralmente a sua comparticipação no financiamento do orçamento da Assembleia Distrital.

A Coordenadora distrital de autarquias da CDU

Relíquia Virgem da Vidigueira conquista medalha de prata no Brasil

Zé LG, 16.09.14

O Azeite do Alentejo marcou presença na 1ª Feira Internacional de Negócios em Olivicultura, que se realizou no início do mês, em Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, tendo o azeite Relíquia, produzido na Vidigueira, arrecadado uma medalha de prata no Concurso de Azeite Virgem.

Numa iniciativa do Centro de Estudos e Promoção do Azeite do Alentejo, com o apoio do programa “Promoção e Capacitação Institucional” do INALENTEJO, foram desenvolvidos vários contactos comerciais e institucionais.

Henrique Herculano, Director Técnico do CEPAAL, assegura que o azeite do Alentejo teve um “acolhimento acima da expectativa junto do público e dos profissionais do sector”.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5013

Ano lectivo começou mal no Penedo Gordo

Zé LG, 16.09.14

Mais um ano lectivo que volta a começar mal. Em Beja, arrancou, mais uma vez, sem a colocação de profissionais de apoio aos alunos com NEE – viva a inclusão! – e sem auxiliares de limpeza na Escola do Penedo Gordo, entre outros problemas referidos pelo vereador Vítor Picado.

In: http://www.vozdaplanicie.pt/index.php?go=noticias&id=3842

 

E dizem que começou tudo dentro da normalidade. Ou seja, passou a ser normal começar as aulas com problemas - grandes e pequenos, que não promovem a inclusão e a igualdade do acesso ao Ensino e criam problemas às famílias…

Família pondera apresentar queixa contra Unidade Local de Saúde

Zé LG, 16.09.14

Maria Luísa Horta, 67 anos, está indignada com os médicos do Hospital José Joaquim Fernandes e do Centro de Saúde de Beja.  

Durante três meses a idosa deslocou-se às Urgências hospitalares e às consultas a queixar-se de dores fortes numa perna. Os vários médicos que a assistiram não se aperceberam que a idosa tinha uma perna partida. O diagnóstico correcto foi feito por um médico, numa clínica privada, onde Maria Luísa Horta se deslocou pela mão do neto. A idosa, agora em recuperação, não esconde o seu sofrimento.

A família equaciona a hipótese de avançar com uma acção contra a Unidade Local de Saúde do Baixo Alentejo (ULSBA). Bento Calado, neto de Maria Luísa Horta, não compreende por que razão não foi feita uma simples radiografia.

O Conselho de Administração da ULSBA não presta declarações acerca deste caso pois vai reunir hoje com Maria Luísa Horta e família.

In: http://www.radiopax.com/index.php?go=noticias&id=5009

"Por Beja com Todos" apresentou proposta à CMB para "incremento da actividade física e desportiva"

Zé LG, 15.09.14

LINHAS ESTRATÉGICAS PARA O INCREMENTO DA ATIVIDADE FÍSICA E DESPORTIVA NAS FREGUESIAS - CONCELHO DE BEJA
O incremento da atividade física e desportiva tem como objetivo primordial aumentar a participação das populações em atividades que privilegiem uma vida mais saudável e participativa ao nível da sua comunidade.
Esta proposta pretende além do bem estar das populações, contribuir para o reforço do movimento associativo do concelho através do aumento significativo de praticantes desportivos, tendo reflexos igualmente ao nível do aparecimento de novos dirigentes.
Este plano assentara nos órgãos de poder local (Município e Freguesias) e no movimento associativo desportivo.
Além das entidades citadas serão integradas neste plano todas as entidades públicas e privadas, Instituto Politécnico de Beja, Agrupamento de Escolas nº 1 e nº 2 de Beja, Escolas Profissionais, Escolas da área do desporto adaptado (CerciBeja e Centro de Paralisia Cerebral) Universidade Senior, instituições da área ligadas aos seniores, rede social de Beja, Fundação Inatel, ULSBA (Unidade Local de Saúde do Baixo - Alentejo), forças militares e militarizadas, assim como as empresas privadas ligadas à atividade física.
Será igualmente estabelecido um protocolo com órgãos de comunicação social, entidades fundamentais na divulgação e informação das atividades.
As linhas de incremento à prática da atividade física e desportiva, assentará nas seguintes premissas:
• A Câmara Municipal de Beja integrará no protocolo anual com as Juntas e Uniões de Freguesia do concelho de Beja uma verba no valor de 3.000 € (12 meses x 250€) destinada a apoiar um dos clubes da área da freguesia com a finalidade de este (clube) contratar um técnico com formação superior na área da atividade física e desportiva.
Atendendo à população a servir as Uniões de freguesias Urbanas seriam apoiadas com 6.000€ (apoio a dois técnicos).
• O técnico a contratar fica obrigado em conjunto com o respetivo clube a dinamizar a atividade física e desportiva da área da sua freguesia, através de um plano de ação que incida em atividades regulares, particularmente na área dos seniores e crianças, assim como de um plano anual de atividades, o qual terá em conta o as linhas de orientação programáticas da responsabilidade do Município.
• Quando as condições se proporcionarem (número de crianças) devem ser criadas condições para a prática desportiva formal, até aos 12 anos, a todas as crianças da freguesia, em especial das freguesias rurais, ao nível coletivo e/ou individual, de forma a que estas se possam integrar nos quadros associativos de modalidade ou em alternativa convívios entre freguesias
• Relativamente aos jovens, adultos e veteranos devem ser encontradas formas, para o aparecimento de equipas de futebol de 7 a fim de disputar um torneio concelhio, a regulamentar. Estes grupos poderão igualmente participar em atividades, como por exemplo, jogos tradicionais (malha), ou outros.
• No plano de atividades da freguesia, entre outras atividades, será organizado um evento que envolva em simultâneo um percurso, para corrida, andar e passeio de bicicleta na sua área geográfica onde participarão obrigatoriamente todas as restantes freguesias do concelho.
• Todas as freguesias têm obrigatoriamente de participar em cinco atividades organizadas pelo Município anualmente:
Correr e Andar na VARIANTE.
Dia da Atividade Física e Desportiva em Beja (obrigatório a participação de todos os clubes do concelho, assim como a todas as entidades públicas e privadas)
Festival da Bicicleta (cicloturismo, BTT (passeio de 40Km – guiado - e prova livre de 60 Km), cicloturismo Urbano para crianças e adultos, demonstração/ prova de BMX, gincana educação rodoviária, Stands de marcas e produtos para bicicletas, empresas e clubes de atividades).
Encontro Desportivo Infantil de Beja (até aos 10 anos)
Os Seniores em Movimento.
As uniões e juntas de freguesia têm um papel importante na concretização e supervisão dos planos de ação a elaborar pelos clubes, podendo inclusivamente ter um único plano de atividades para a freguesia onde for possível.
Beja, Agosto de 2014

Documento entregue por uma delegação do “Por Beja com Todos” ao presidente da Câmara Municipal de Beja, numa reunião solicitada para o efeito.

In: https://www.facebook.com/porbejacomtodos (10/9)