Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Acto de vandalismo em Alvito

Acerca de espaços públicos, venho por este meio mostrar o meu repúdio pelo acto de vandalismo praticado por alguém, no Jardim da Igreja Matriz de Alvito, precisamente no rosto do busto do Dr. Ernesto Góis (pessoa que não tive a honra de conhecer) mas, que me consta ter exercido a profissão de médico em Alvito, com a maior disponibilidade pessoal para com os seus doentes. Enfim; não é nenhuma desonra ser-se pobre de bens materiais, tanto mais que vivemos actualmente numa sociedade que tudo tem feito para nos impor essa condição. Mas pobreza mental, pobreza cultural que leva determinadas pessoas a cometer atentados destes contra o Património Histórico da Vila, só será justificada por doença mental clinicamente diagnosticada, o que me parece não ser o caso. Está em curso um projecto de obras no local, da responsabilidade da autarquia. Assim sendo, resta esperar a conclusão das referidas obras, que levarão o seu tempo. Actos destes, não tem qualquer aceitação, contribuindo apenas para que qualquer turista estrangeiro que nos visite, fique com uma imagem muito má do nosso Povo, imagem essa protagonizada pela ignorância, desta forma assumida, por alguém com um propósito absurdo e mesquinho.

António Martins a 7 de Julho de 2014 às 21:55

In: http://alvitrando.blogs.sapo.pt/intervencao-autarquica-rapida-e-2690694?view=6514822#t6514822

Sabes do Celso?...

Bom dia, é da recepção? Eu gostaria de falar com alguém que me desse informações sobre um doente internado. Queria saber se a pessoa está melhor ou se piorou...
 - Qual é o nome do doente?
 - Chama-se Celso e está no quarto 302..
 - Um momentinho, vou transferir a chamada para o sector de enfermagem...
 - Bom dia, sou a enfermeira Lourdes... O que deseja?
 - Gostaria de saber a condição clínica do doente Celso do quarto 302,por favor!
 - Um minuto, vou localizar o médico de serviço.
 - Aqui é o Dr. Carlos. Em que posso ajudar?
 - Olá, doutor. Precisava que alguém me informasse sobre a saúde do Celso que está internado há três semanas no quarto 302.
 - Só um momento que eu vou consultar a ficha do doente... Hummm! Aqui está: alimentou-se bem hoje, a pressão arterial e o pulso estão estáveis, responde bem à medicação prescrita e vai ser retirado da monitorização cardíaca amanhã. Continuando bem, o médico responsável assinará a alta em três dias.
- Ahhhh, Graças a Deus! São notícias maravilhosas! Que alegria!

- Pelo seu entusiasmo, deve ser alguém muito próximo, certamente da família!?
 - Não, sou o próprio Celso telefonando aqui do 302! É que toda a gente entra e sai deste quarto e ninguém me diz porra nenhuma. Eu só queria saber como estou....

Recebido por e-mail.

Comentários recentes

  • Anónimo

    M. Frade, não compreendeu o que petendi dizer com ...

  • Munhoz Frade

    Quis dizer “gerar” e não “gerais”. Não reparei na ...

  • Anónimo

    Seria voltar a focar as questões ligadas ao modo d...

  • Munhoz Frade

    Um pouco de polémica, meu caro ZLG:Sabemos que cau...

  • Anónimo

    É pena que o próprio DA não se tenha interessado p...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds