Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Castro Verde recebeu este fim-de-semana as filmagens da curta-metragem “Parentell”

 

A película é produzida por João Bordeira e conta com a participação de Carlos Curto e David Almeida. Este é um filme de ficção sobre a morte dos pais e conta a história de Ana e Boy que fazem uma viagem pelo Alentejo profundo, num paralelo com a sua busca pela majoração com o intuito de matar Nuno, pai de Boy.

As filmagens da curta-metragem estão a decorrer na estrada entre Entradas e o Carregueiro, e em algumas propriedades privadas e serão, posteriormente, finalizadas em Lisboa, nos dias 4 e 5 de Julho.

A iniciativa conta com o apoio da Câmara Municipal de Castro Verde.

Há mais de 30 anos empenhado no planeamento do desenvolvimento do distrito de Beja

Em 1992, no Salão Nobre da Câmara Municipal de Beja, numa sessão de discussão do PIDDBE - Plano Integrado de Desenvolvimento do Distrito de Beja, promovido pela AMDB - Associação de Mumicípios do Distrito de Beja, a que presidia.

Na foto encontro-me ladeado por dois técnicos responsáveis do consórcio que elaborou o PIDDBE.

Jogo limpo?

Na apresentação da sua (re)candidatura à Câmara Municipal pediu jogo limpo aos seus concorrentes.

Entretanto, a referida apresentação “coincidiu” com vários acontecimentos que levantam dúvidas se o jogo limpo que pediu aos concorrentes não se aplica a si…

Senão vejamos:

  1. Inaugurou, com pompa, circunstância e muita animação, as obras efectuadas no local onde, poucos dias depois, fez a apresentação dos candidatos às eleições autárquicas;
  2. Lançou a Marca de Beja a três meses das eleições autárquicas e na mesma altura em que fez aquela apresentação;
  3. Lançou o Boletim Municipal, com o “balanço” do mandato e a frase na capa “Obra Feita Futuro Assegurado” na mesma altura em que fez a referida apresentação;
  4. A pouco tempo das eleições autárquicas e no período que antecedeu a referida apresentação, uma empresa municipal, cujo director foi agora apresentado como candidato na sua lista, “descobriu” a responsabilidade social da empresa e desdobrou-se em sessões de distribuição de subsídios e animação.

Outros exemplos poderão ser apresentados - e estes melhor explicados – sobre as “coincidências” de actos e atitudes que revelam bem que “jogo limpo” vai ser por si praticado…

E tudo isto com o dinheiro do Município, que é de todos nós e não deve ser usado em pura propaganda eleitoral de quem está no poder.

Comentários recentes

  • Anónimo

    O termo "velha" com que te referes à senhora que m...

  • Anónimo

    Não fecha.Sofre a evolução para cuidados de proxim...

  • Anónimo

    E o PS não se sente incomodado com a saúde no Dist...

  • Anónimo

    CIDADE DE PANHONHAS...

  • Anónimo

    Agora é passado, mais uma vez. A ULSBA não terá es...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds