Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Comemorações do 25 de Abril em Beja

Promovidas pela Assembleia Municipal de Beja, as comemorações do 25 de Abril começaram hoje com palestra, colóquio, momento musical e inauguração da exposição “Vida e Obra de José Afonso”, da responsabilidade do IPBeja. Amanhã, 24, às 14h30, decorrem “Conversas sobre o 25 de Abril” nos Agrupamentos Escolares de Beja. Nessa noite, a Casa da Cultura recebe, a partir das 21h30, um espectáculo de dança pelos alunos do Agrupamento nº 3, Santiago Maior; um espectáculo multimédia da responsabilidade do IPBeja; um momento de fado com Carlos Filipe e Ana Tareco, acompanhados por Rogério Mestre, Carlos Franco e Fábio Catarino e música de intervenção com a Banda Moda Faca.

Para dia 25 de Abril estão agendadas exibições desportivas, ao longo da manhã, no Jardim Público. O Grupo Motard de Beja vai realizar o “Desfile Motard da Liberdade” entre o Jardim Público e a Praça da República. O Grupo oferece o almoço a todos os participantes.

A Igreja da Misericórdia recebe, a partir do meio-dia, uma sessão solene com intervenção musical do Conservatório Regional do Baixo Alentejo, a entrega do prémio 25 de Abril e um apontamento musical com a Banda Capricho Bejense.

CULTURA A SUL | ALENTEJO

“Um livro essencial para compreender o lugar da cultura nas sociedades humanas”, segundo António Murteira, responsável pelo projeto e organização. Conta com a participação de 43 autores e criadores culturais. A capa é uma pintura original de Armando Alves. Com a chancela das Edições Colibri e o apoio de Casa do Alentejo, Direção Regional de Cultura do Alentejo e Revista Alentejo.

 

Apresentações| Promoção

Estremoz | Casa de Estremoz - 25 de abril 16h00

Lisboa | Casa do Alentejo - 4 de maio 16h00

Évora | Biblioteca Pública de Évora - 11 de maio 16h00

Beja | Biblioteca Municipal José Saramago - 17 maio 21h30

Badajoz | Diputación Provincial de Badajoz - 24 maio 20h00 (de Espanha) Lisboa |

Casa do Alentejo - 10 de junho 11 às 17h00

autógrafos, promoção e venda

e ainda em Portalegre, Sines, Barreiro e Porto

Embaixadores de todo o mundo reúnem-se na Ovibeja

 

Embaixadores de todo o mundo reúnem-se na Ovibeja, no dia de abertura do evento.

A acção partiu da iniciativa do ex-adido agrícola da Embaixada da Holanda, Carel Heringa.

Os embaixadores que vão marcar presença na Ovibeja vêm de Espanha, Japão, Itália, Angola, Bélgica, Tunísia, Estados Unidos da América, Roménia, Holanda, Bulgária, numa comitiva que junta cerca de 30 participantes que inclui também conselheiros agrícolas, adidos políticos, económicos, comerciais e ainda agricultores.

RTP transmite em directo da OVIBEJA “Praça da Alegria”, “Portugal no Coração” apontamentos “Portugal em Directo”

Esta quarta-feira, dia de abertura da 30ª OVIBEJA, a RTP vai estar em directo a partir da Feira durante seis horas, numa emissão para o Canal 1.

Para o efeito, a RTP mobilizou uma vasta equipa e vai transmitir da OVIBEJA os programas “Praça da Alegria”  (entre as 10 e as 13 horas) e “Portugal no Coração” (das 15,10  às 18 horas), com apresentação de Sónia Araújo e Jorge Gabriel e reportagem de Helder Reis.

A delegação da RTP no Alentejo tem também prevista para o dia de abertura da OVIBEJA a realização de apontamentos para o Programa de informação “Portugal em Directo”, entre as 18 e 19 horas.

As portas da OVIBEJA abrem logo pela manhã e até às 17 horas não são cobrados bilhetes. Esta foi uma forma encontrada pela organização da OVIBEJA para assinalar os 30 anos da Feira.

Instalou-se o caos e a política portuguesa continua a perder credibilidade a cada dia que passa

Os políticos podiam ter alterado a lei que limita os mandatos autárquicos no Parlamento, mas preferiram fingir que queriam criar esses limites. Instalou-se o caos e a política portuguesa continua a perder credibilidade.

Pode concordar-se ou não com esta lei. Mas, enquanto estiver em vigor, deve ser cumprida.
Mas não foi o que aconteceu. Alguns partidos decidiram apresentar candidatos a um quarto mandato em Lisboa, Porto, Aveiro, Loures e outros concelhos.
Poderiam ter mudado a lei no Parlamento, têm até essa legitimidade. Mas preferiram fingir que queriam limitar mandatos, quando de facto o que pretendem é prolongá-los.
Os tribunais vieram agora declarar impedidos de se candidatar os já anunciados candidatos do PSD, Fernando Seara e Luís Filipe Meneses. Estes recorreram das decisões, mas por ora, o PSD está sem candidatos em Lisboa e Porto e com a campanha eleitoral inibida.
Instalou-se o caos e a política portuguesa continua a perder credibilidade a cada dia que passa.

Paulo Morais, in: http://rr.sapo.pt/opiniao_detalhe.aspx?fid=34&did=104870

Discurso de Lopes Guerreiro na apresentação da sua candidatura à Câmara de Beja "Por Beja com todos"

Obrigado a todos pela vossa presença!

Ela representa para nós, simultaneamente, um incentivo à nossa candidatura e um acrescento de responsabilidade pela janela de esperança, que estamos a abrir, num concelho e num futuro colectivo mais promissores.

Tudo faremos para não defraudar a confiança, ou pelo menos as expectativas, que estamos a despertar em todos vós e tudo faremos “por Beja com todos”!

 Discurso na íntegra em: http://www.porbejacomtodos.org/2013/04/discurso-do-cabeca-de-lista-do-por-beja.html

Comentários recentes

  • Anónimo

    Que outros agentes desportivos ... e já agora polí...

  • Munhoz Frade

    Exemplar.

  • Anónimo

    O problema, é que por mais considerações ideológic...

  • Anónimo

    “DesilusãoTenho estado, como é meu hábito, atento ...

  • Anónimo

    Ouvi ontem um debate interessante no Expresso das ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds