Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

PS aposta em António Bota como candidato à Câmara de Almodôvar

Zé LG Zé LG, 09.01.13

António Bota, professor universitário, de 43 anos de idade e natural de Almodôvar, é o candidato avançado pela Concelhia do PS à Câmara Municipal de Almodôvar.

António Bota concluiu os seus estudos superiores na Universidade Estadual de São Francisco, nos Estados Unidos da América, exerceu funções de professor na Universidade do Algarve e lecciona, actualmente, no Instituto D. Afonso III, em Loulé.

Cinco candidatos a candidato do PSD à Câmara de Almodôvar

Zé LG Zé LG, 09.01.13

Em Almodôvar a distrital de Beja do PSD tem uma situação delicada pela frente pois existem 5 candidatos a candidato: João Palma (vereador na CM Almodôvar), Sílvia Baptista (vereadora na CM Almodôvar), Ricardo Colaço (presidente da Junta de Freguesia de Almodôvar), Rui Santana (Chefe de Gabinete do actual presidente da Câmara) e Fernando Palma (antigo presidente da concelhia do PSD de Almodôvar).

Almodôvar é a única Câmara Municipal do distrito de Beja presidida pelo PSD.

José Alberto Fateixa volta a ser candidato do PS à Câmara de Estremoz

Zé LG Zé LG, 09.01.13

 

José Alberto Fateixa foi o nome escolhido pelos militantes socialistas de Estremoz para liderar a lista do PS às eleições autárquicas de 2013. Fateixa foi escolhido unanimemente pela assembleia de militantes locais.

Fateixa foi presidente da Câmara de Estremoz entre 2005 e 2009.

Governo aceita prorrogação do prazo do investimento nas minas de Aljustrel por mais 2,5 anos

Zé LG Zé LG, 09.01.13

O Governo assinou, em 2010, um contrato de investimento com a Almina que tinha por objecto a concessão de incentivos financeiros a um projecto de relançamento das actividades de extração e beneficiação do complexo mineiro de Aljustrel.

O contrato previa a conclusão do investimento total de 130 milhões de euros em Julho de 2012.
“Pedimos para prolongar o exercício do investimento até ao final de 2014, para conciliar o investimento com a situação económica”, adiantou Humberto Costa Leite, presidente da Almina.
Em Setembro, a Almina já tinha realizado um investimento de 74,5 milhões de euros nas minas de Aljustrel, de um contrato total de 130 milhões. E já recebeu de apoios 27 milhões.