Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

"Qualquer dia deixamos de ter voz"

Uma boa iniciativa dos jornalistas do alentejo. Acho que está na hora dos nossos dirigentes, especialmente os autarcas, perceberem que é necessário apoiar a infomação regional. O que está a contecer com as rádios e com os jornais do Alentejo é muito perigoso. Qualquer dia deixamos de ter voz. O caso do Correio Alentejo é um bom exemplo. E o diário do Alentejo segue o mesmo caminho se as câmaras não abrirem os olhos.


Comentário de Silvestre Pica, deixado aqui. a 16 de Novembro de 2012 às 11:25

Re-Planta! - "Reaprende, Recomeça e Redescobre a tua Horta"

O projeto Re-Planta! é uma iniciativa inspiradora, desenvolvida pela AMCAL, GESAMB e RESIALENTEJO que pretende devolver aos cidadãos o prazer de cultivar os seus próprios alimentos, tornando fácil, simples e acessível a criação de hortas caseiras.

Com muito espaço ou com um simples vaso todos podem participar! O projeto Re- Planta! é uma iniciativa aberta e de participação livre, cujo intuito é também o de criar uma comunidade dinâmica e integradora, onde todos possam contribuir, sejam simples cidadãos ou instituições como lares, escolas, autarquias, associações, etc. Para fazer parte da comunidade Re-Planta!, inscreva-se e partilhe técnicas, receitas, frutas ou legumes, em www.facebook.com/projeto-replanta

"Comece já a sua Horta, nós ajudamos!" De modo a tornar mais acessível a participação, o projeto Re-Planta irá percorrer 25 concelhos alentejanos com oficinas de hortas biológicas e compostagem, onde serão fornecidos equipamentos, manuais e formação de modo a que todos possam começar a criar a sua própria horta. A participação nas oficinas é gratuita, sendo que apenas se terá que inscrever em www.re-planta.pt/2012/09/21/oficinas/ .

Leia aqui toda a informação sobre este interessante projeto.

Estão a matar o Alentejo

O desemprego, num ano, aumentou 32,2% no Alentejo, passando de 24 473 para 32 358 inscritos nos Centros de Emprego da Região. Os números foram revelados pelo IEFP. Segundo este Instituto, a nível nacional, o número de desempregados inscritos nos centros de emprego aumentou 22,5% em outubro em termos homólogos e 1,7% face ao mês anterior, para 695.000 desempregados. 

 

Como em tudo o mais, são as regiões mais debilitadas as que mais sofrem com a crise. Este dado do desemprego é apenas mais um que vem confirmar isso: aumentou 32,2% no último ano no Alentejo, enquanto a média nacional desse aumento foi de 22,5%.

Também aqui estão a acentuar as desigualdades e a atingir mais os mais frágeis. A continuar assim, conseguem mesmo transformar “isto” num deserto.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Fartura de partidos! Tudo quanto é demais não pres...

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds