Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Pedro Dias demite-se de director da Biblioteca Nacional e do PSD

“Não só não me revejo na política do Senhor Primeiro Ministro, como estou completamente contra ela, e não reconheço legitimidade ao Governo para se manter em funções, por ter renegado todas as promessas feitas ao eleitorado, e que constituem a base da sua legitimidade democrática”.

“É assim absolutamente inaceitável ser cúmplice destas acções, enquanto Director-Geral, participando na delapidação de Portugal e dos seus recursos, em benefícios de grupos económicos, com o esmagamento das classes trabalhadoras e do domínio, no campo político, da Maçonaria, entidade que sempre combati. Já me desvinculei do PSD, de que já não sou militante, e não desejo voltar a ter qualquer colaboração com esta instituição, que nada tem a ver com a que, a partir de Maio de 1974, ajudei a desenvolver e a afirmar-se”, explica Pedro Dias.

Maria Teresa Horta recusou receber Prémio Literário das mãos de Passos Coelho

"Na realidade eu não poderia, com coerência, ficar bem comigo mesma, receber um prémio literário que me honra tanto, cujo júri é formado por poetas, os meus pares mais próximos - pois sou sobretudo uma poetisa, e que me honra imenso -, ir receber esse prémio das mãos de uma pessoa que está empenhada em destruir o nosso país", explicou Maria Teresa Horta.
Para Maria Teresa Horta, "o primeiro-ministro está determinado a destruir tudo aquilo que conquistámos com o 25 de Abril de 1974 e as grandes vítimas têm sido até agora os trabalhadores, os assalariados, a juventude que ele manda emigrar calmamente, como se isso fosse natural".

Programa Municipal de Desenvolvimento de Castro Verde apresentado esta tarde

Durante o decorrer da Sessão de Capacitação para os GADE’s do Baixo Alentejo, que decorre em Castro Verde, a 19 de setembro de 2012, o Presidente da Câmara Municipal de Castro Verde, Francisco Duarte, vai proceder à apresentação do Programa Municipal de Desenvolvimento de Castro Verde”, numa sessão que terá lugar nas Futuras Instalações do Centro de Promoção de Património e Turismo de Castro Verde, pelas 16h30.

Ver toda a notícia aqui.

Governo reduz custos com PPP à custa do isolamento de Beja

A Estradas de Portugal (EP) e a Estradas da Planície, que integra a Edifer e a espanhola Dragados, acordaram esta terça-feira os termos da redução do âmbito da subconcessão do Baixo Alentejo, tendo assinado memorando de entendimento com vista a uma poupança, a preços correntes, estimada em cerca de 338 milhões de euros, ao longo da vida da subconcessão.

A redução do âmbito da subconcessão agora acordada traduz-se na retirada desta subconcessão e suspensão dos trabalhos de construção dos lanços do IP8/A26 entre Relvas Verdes e Grândola, assim como entre Santa Margarida do Sado e Beja e do IP2 entre o nó de Monte de Pinheiros e o nó de Ramal.

Serão ainda suspensos os trabalhos de duplicação do IP8 entre Relvas Verdes e Roncão, permanecendo a actual via no objecto subconcessionado.
De acordo com a EP, serão concluídos em perfil de auto-estrada as ligações entre Sines e Santo André e entre Sines e Santiago do Cacém, bem como entre a A2 em Grândola Sul e Santa Margarida do Sado e entre a A6 em Évora e o IP2 em Monte de Pinheiros.

 

Como se pode verificar, pela leitura de toda a notícia, a redução de custos com esta PPP não é feita à custa das condições contratadas mas da redução dos trabalhos a efectuar e da respectiva exploração, o que se traduzirá na não melhoria das acessibilidades a Beja, como estava previsto.

"Não têm qualquer sentido de respeito pela promessa feita ou pela palavra dada"

"A ideia que se foi gerando de que o PSD vai aumentar o IVA não tem fundamento" - Pedro Passos Coelho, 30/03/2011.

"Já ouvi o primeiro-ministro (José Sócrates) dizer que o PSD quer acabar com o 13º mês, mas nós nunca falámos disso e é um disparate" - Pedro Passos Coelho, 01/04/2011.

"O PSD chumbou o PEC4 porque tem de se dizer basta: a austeridade não pode incidir sempre no aumento de impostos e no corte de rendimento" - Pedro Passos Coelho, 12/04/2011.

"Se formos Governo, posso garantir que não será necessário despedir pessoas nem cortar mais salários para sanear o sistema português" - Pedro Passos Coelho, 02/05/2011.

"A redução da TSU funciona muito bem no quadro dos modelos que se usam na universidade, mas ainda não foi usada deliberadamente por nenhum país para ganhar competitividade. É algo não testado" - Vítor Gaspar, Outubro de 2011.

"O nível dos impostos já atingiu o seu limite" - Paulo Portas, em carta aos militantes do CDS,  Junho de 2012.

"Também nisso queremos ser diferentes daqueles que nos governam e que não têm qualquer sentido de respeito pela promessa feita ou pela palavra dada. Assumimos um compromisso de honra para com Portugal. E não faltaremos, em circunstância alguma, a esse compromisso" - Programa eleitoral do PSD.

In Visão, edição nº 1019.

 

É mesmo preciso não ter um pingo de vergonha na cara para fazerem o que estão a fazer, quando disseram o que disseram há tão pouco tempo. E ainda há quem diga de Pedro Passos Coelho é um homem sério... O que seria se o não fosse... Se na oposição ainda pediu desculpa por ter assinado o memorando com a toica, no poder sempre quiz ir mais longe - penalizar mais o Povo - do que a troica.

E se fizéssemos como fizeram na Islândia? Parece que se deram bem. 

Comentários recentes

  • Anónimo

    Ora aqui está uma área em que os nossos autarcas s...

  • Anónimo

    Está tudo dito... nada a acrescentar! Incapacidade...

  • Anónimo

    "O Ministério do Planeamento anunciou esta quinta-...

  • Anónimo

    Se os autarcas locais , independentemente da cor p...

  • Anónimo

    Conordo em absoluto com o comentário anterior.O di...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds