Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Movimento é Vida apresenta-se amanhã em Alvito

Dia 13 de setembro, quinta-feira, os técnicos da ULSBA falam sobre a importância do movimento na nossa vida.

A partir das 10h na Biblioteca Municipal de Alvito. Às 11.30h na Biblioteca de Vila Nova.

A partir de uma certa idade o movimento é de importância extrema não só pelos seus benefícios, como também pelo convívio que proporciona.

Benefícios do Movimento no Idoso:
•  Aumenta a mobilidade, o equilíbrio e a coordenação;
•  Tonifica músculos flácidos, fracos, aumentando a força;
•  Reduz o risco de quedas;
•  Diminui a osteoporose;
•  Melhora o funcionamento intestinal e incontinência;
•  Ajuda o coração, melhorando a circulação e protegendo das doenças cardiovasculares;
•  Previne a obesidade e diminui as suas consequências;
•  Promove o relaxamento e o combate às insónias.

Reduzir os impostos às empresas é "a coisa mais estúpida"

"Não aumentaria os impostos num momento de recessão, não é uma boa ideia aumentá-los, exceto talvez em certas taxas desde que não tenham impacto sobre a procura", disse o diretor da divisão de estratégias de desenvolvimento da Agência das Nações Unidas para Comércio e Desenvolvimento (UNCTAD), numa conferência de imprensa.

Heiner Flassbeck explicou que a redução dos impostos às empresas seria "a coisa mais estúpida", e que "os negócios não são determinados por impostos, mas pela procura", pelo que defendeu um corte de impostos às famílias já que esta medida "seria sim um grande benefício para as empresas e os governos".

Ler mais aqui.

Quercus denunciou o "abate ilegal de centenas de sobreiros" em Odemira

A associação ambientalista Quercus denunciou o "abate ilegal de centenas de sobreiros", a decorrer há várias semanas, na Herdade do Leonardo, numa área de cerca de 120 hectares, junto a Troviscais, no Parque Natural do Sudoeste Alentejano e Costa Vicentina, no concelho de Odemira, apelando às autoridades para reforçarem a fiscalização na área do ambiente.
"Não obstante termos conhecimento da existência de uma autorização para abate de 120 sobreiros secos, verificámos que foram abatidos, pelo menos, cerca de 300 sobreiros verdes sem qualquer autorização e também diversos carvalhos portugueses", escreve a Quercus.
Advertindo que se trata de uma situação "muito grave" e que "evidencia o descontrole da actividade de comércio de lenhas", a Quercus exige "a actuação imediata das entidades competentes para repor a legalidade" e defende que deve haver "uma especial atenção" quanto a uma "eventual atribuição de apoios públicos a projectos agro-florestais a decorrer na Herdade do Leonardo".

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

  • Anónimo

    O Imperador está suficientemente saudável para c...

  • Anónimo

    As odalascas vêm com o calor...

  • Anónimo

    Alguém sabe em que dia desfila o imperador, as oda...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds