Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Ainda não foi hoje que passaram de “bestas” a “bestiais”…

Portugal venceu esta tarde a Dinamarca por 3-2 em jogo da segunda jornada do Grupo B do Euro2012. Depois de uma primeira parte de bom nível, Portugal teve de sofrer muito até final. Já só perto do fim Varela recolocou Portugal na rota dos quartos de final do Euro2012.

 

Num jogo em que Nani foi o melhor e Hélder Postiga fez história, Cristiano Ronaldo desperdiçou várias oportunidades, designadamente duas em que ficou só com o guarda-redes adversário pela frente, e, ainda falhou no apoio a Fábio Coentrão, que se viu várias vezes confrontado com dois adversários.

“12 Fugas das Prisões de Salazar”

O livro de Jaime Serra “12 Fugas das Prisões de Salazar”, que reúne um conjunto de relatos emocionantes das mais célebres evasões das prisões salazaristas, vai ser apresentado, esta tarde, a partir das 18.00 horas, no auditório da Biblioteca Municipal José Saramago em Beja.

A obra de Jaime Serra apresenta ao leitor uma descrição viva das principais fugas de presos políticos e revela o papel fundamental do PCP na sua organização, criando as condições necessárias às evasões de presos políticos num trabalho clandestino, perigoso e exigente dentro e fora das prisões.

“Faz falta um grande debate”! Vamos a ele?

Faz falta um grande debate, e esclarecimento ás populações para falarmos de coisas concretas e de forma simples para que qualquer cidadão normal perceba.
É evidente que obrigar os municípios a cobrar as taxas máximas permitidas por lei, pode ser injustíssimo para os cidadãos que vão ter que pagar a factura. Ainda mais injusto se torna se for num município que anteriormente não tinha optado pelas taxas máximas que a lei lhe permite.
Mas é ou não verdade, que em muitos municípios, são os cidadãos que sucessivamente têm ido elegendo gente incompetente, e irresponsável, que tem desgovernado os seus concelhos, contraindo as tais dividas gigantescas em merdas que não deixam nada de sustentável para o futuro, e que agora vão ter que pagar?
Não será esta a melhor maneira de fazer os cidadãos pensarem como é que aqueles que elegem gastam o dinheiro que tanto lhes vai custar a pagar?
Será esta conversa politicamente correcta? Eu tenho a certeza absoluta que não é!!! Mas... finalmente pode ser que as pessoas comecem a pensar melhor.
É evidente que no meio destas coisas há sempre injustiças. Um autarca que acaba de chegar ao poder e tem que gerir as dívidas dos maus governos anteriores, como é evidente, não vai ter muito espaço de manobra, e em eleições futuras até pode ser penalizado. É por isso que é importante falar verdade. E quem ouve, conhecer quem fala mesmo verdade.
Aos cidadãos também compete observar, e tomar posição fundamentada, se as dívidas contraídas pelos seus concelhos, foram para realizar coisas verdadeiramente importantes para a sua vida do dia à dia, e para o seu futuro, ou não.
Aos cidadãos compete também procurar informar-se melhor, para poderem comparar o que é comparável, e a partir daí serem pessoas capazes de decidir em coerência.
Deixo aqui (onde pode ler todo o comentário) uma reflexão muito pertinente a título de exemplo.
Espero que este meu comentário sirva para quem quiser reflectir, e ver que o Relvas não está a ver tudo mal... ...

Comentário de Manuel António Domingos, deixado aqui, a 12 de Junho de 2012 às 10:21

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tens toda a razão. Já cá faltava a patetice da com...

  • Anónimo

    Vote no PAN.

  • Anónimo

    Já cá faltava a patetice da habitual comparação co...

  • Anónimo

    alguém pode dizer onde é este lugar?

  • Anónimo

    Concordo a 1000% com M. Frade.Pode-se, rádios, jor...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds