Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Será desta que alguns figurões vão ser apanhados?

O antigo presidente do BPN, Oliveira Costa, era um dos clientes da rede de evasão fiscal e de branqueamento de dinheiro sedeada na Suíça e ontem desmantelada pelas autoridades.

A detecção desta rede, aliás, surgiu na sequência das investigações ao BPN, que decorrem desde 2008 no Departamento Central de Investigação e Acção Penal (DCIAP). Duarte Lima, outro dos clientes que utilizava os serviços desta organização liderada pelo suíço Michel Canals, conforme o SOL hoje noticia, foi confrontado com esse facto e admitiu as ligações a esta rede durante os interrogatórios que prestou nas últimas semanas no inquérito em que é arguido e ao abrigo do qual está preso preventivamente, por burla ao BPN.

Além de Duarte Lima e Oliveira Costa, recorriam a esta rede muitos políticos, empresários e advogados.

In: http://sol.sapo.pt/inicio/Sociedade/Interior.aspx?content_id=49724

CEBAL celebra o Dia Internacional do Fascínio das Plantas com o I Encontro Ibérico de Plantas Aromáticas e Medicinais

O CEBAL está a celebrar, no Dia Internacional do Fascínio das Plantas, organizado pela European Plant Science Organization (EPSO), o Fascínio das Plantas Aromáticas e Medicinais (PAMs) com a organização do I Encontro Ibérico de Plantas Aromáticas e Medicinais (EIPAM), no Auditório do Instituto Politécnico de Beja, promovido pela Associação de Defesa do Património de Mértola (ADPM), com organização do CEBAL.

Pretende-se com o Dia Internacional do Fascínio das Plantas fazer com que o maior número possível de pessoas em todo o mundo desperte para o fascínio das plantas e para a importância do seu estudo na melhoria da agricultura e produção sustentável de alimentos, bem como para a horticultura, silvicultura e produção de bens não-alimentares, como papel, madeira, químicos, fármacos e energia. O papel determinante das plantas na conservação do meio ambiente será igualmente objeto de destaque.

«Alentejo Popular» suspende edição em papel e renova edição digital

A Cooperativa Cultural Alentejana decidiu suspender a edição em papel do semanário «Alentejo Popular», de Beja, que publicou regularmente 448 edições em quase nove anos. A edição digital (www.alentejopopular.pt/), que será renovada, vai manter-se. Eis o comunicado da direcção da cooperativa, com data de 16 de Maio e dirigido «aos leitores, assinantes, colaboradores, anunciantes e agentes, a todos os amigos» do jornal - Ler em: http://www.alentejopopular.pt/noticias.asp?id=7990.

Espera a Direcção da CCA que a medida permita em alguns meses o saneamento das contas da cooperativa de forma a que o “Alentejo Popular” em papel volte aos seus leitores no mais curto espaço de tempo possível.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Com certeza que não tem visto no blog o que tem si...

  • Anónimo

    A minha cidade é uma comédia, toda gente sabe o qu...

  • Anónimo

    Isso mesmo.Acertou em cheio.

  • Anónimo

    Realmente seria muito melhor para os boys do PS um...

  • Anónimo

    Nunca toma posição, quero dizer.

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds