Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

ALVITO PRESENTE NA BTL

A Câmara Municipal de Alvito, numa excelente ocasião para promover o concelho, marca presença na 24ª edição da Bolsa de Turismo de Lisboa, que decorre de 29 de Fevereiro a 4 de Março.

A participação do município assenta na divulgação da Semana Gastronómica das Beldroegas, a decorrer entre 11 a 17 de junho, evento que dá mais uma pitada de sabor à sua vida.

Destaque maior para a Festa do Barão que terá lugar a 23 de junho, no Paço-acastelado, uma recriação tardo-medieval com bailias e folias, comeres e beberes, tudo à moda das Terras da Baronia de Alvito.

Câmara de Évora recebeu Prémio Melhor Programação Cultural Autárquica da SPA

A Câmara Municipal de Évora voltou a ser premiada mais uma vez, desta feita com o Prémio Melhor Programação Cultural Autárquica, da Sociedade Portuguesa de Autores, tendo o galardão sido entregue à Vereadora Cláudia Sousa Pereira na cerimónia da III Gala do Prémio Autores 2012, que decorreu na noite do dia 27 de Fevereiro, no auditório do Centro Cultural de Belém.

Agentes e artistas indignados com o prémio. Esta é uma reacção, de entre muitas outras que têm sido publicadas no A Cinco Tons, contestanto a atribuição deste prémio.

E agora que mais desculpas vai apresentar o Executivo do PS para não cumprir compromissos assumidos?

A segunda versão do orçamento da Câmara de Beja (PS) para este ano, de 38,5 milhões de euros, foi ontem aprovada pela Assembleia Municipal, graças à abstenção da maioria CDU, que tinha chumbado a primeira versão do documento.

Ontem, os eleitos da CDU, a força maioritária, na Assembleia Municipal, não seguiram o sentido de voto dos vereadores da oposição comunista na autarquia e abstiveram-se, o que permitiu a aprovação do novo orçamento.

Esta tomada de posição levanta, pelo menos, duas questões:

Ao PS - agora que mais desculpas vai apresentar o Executivo do PS para não cumprir compromissos assumidos?

À CDU – os eleitos na Câmara e na Assembleia Municipal não se conseguem entender em assuntos desta importância?

Comentários recentes

  • Anónimo

    Vote no PAN.

  • Anónimo

    Já cá faltava a patetice da habitual comparação co...

  • Anónimo

    alguém pode dizer onde é este lugar?

  • Anónimo

    Concordo a 1000% com M. Frade.Pode-se, rádios, jor...

  • Quim

    Foi a conclusão que EU tirei. Mas não fui o unico....

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds