Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

“A Natureza é cenário de campeões” – entrevista de Joaquim Patrício ao DA

Fundado em setembro de 1995, o Clube de Natureza de Alvito tem conhecido um percurso de progressiva diversificação das modalidades e valorização dos seus atletas.
Tendo a orientação como modalidade mãe de todas as suas atividades, o Clube de Natureza de Alvito abraçou, desde a sua fundação, o significativo lema "Desporto, Natureza e Aventura no Alentejo" e diz ter as suas portas abertas a quem se preocupe com a vida e com os outros, queira praticar desporto e colaborar com um projeto do tamanho do mundo. À atividade principal, já acrescentou o triatlo, o pedestrianismo, o BTT, o badmington, a natação, o ténis de mesa e o atletismo, sendo esta, a segunda modalidade do clube e aquela que lhe tem oferecido melhores resultados. O rosto mais visível do projeto é Joaquim Patrício, 63 anos, e que há cerca de 20 chegou ao Alentejo e fez nascer este projeto. Atleta, técnico e dirigente é quem melhor conhece o percurso deste exemplo desportivo na região.
Leia entrevista dada por Joaquim Patrício a Firmino Paixão, no Diário do Alentejo da semana passada, que pode ler aqui: http://da.ambaal.pt/noticias/?id=1245.

Ainda a polémica em torno da nova directora do CRSS de Beja

A nova responsável da Segurança Social apresenta como curriculum relevante:
1- Ser do CDS;
2 - Psicóloga do agrupamento da Amareleja (dada a reduzida dimensão daquele agrupamento a senhora é a chefe dela própria).
Assim a actual maioria vai substituindo uma carrada de incompetentes e inaptos por novos incompetentes e inaptos.
Uma miséria!
GRINGO a 31 de Dezembro de 2011 às 13:30

Resumindo e concluindo:
A nova Directora da SS desempenha um cargo administrativo num Agrupamento de Escolas.
As funções executivas num Agrupamento são unicamente da responsabilidade da Direcção e do Conselho Geral.
Portanto não queiram fazer passar a ideia que a Senhora desempenhava qualquer lugar de relevância num mini - Agrupamento como é o da Amareleja.
Trata-se mais uma vez de uma situação em que o critério de escolha reside unicamente na posse de cartão de militante, e não em competência, capacidade, formação, etc. etc., para o exercício da função.
GRINGO a 4 de Janeiro de 2012 às 18:18

Comentários deixados aqui:

http://alvitrando.blogs.sapo.pt/1999063.html?view=4328663#t4328663

Câmara de Moura assume gestão integral da Herdade da Contenda

Depois de em 2009 a Câmara Municipal de Moura e a Autoridade Florestal Nacional terem assinado um protocolo, com vista à instituição de uma nova forma de gestão da Herdade da Contenda e após inúmeros percalços ao longo deste tempo, chegou finalmente a data em que o município tem que assumir essa responsabilidade.
José Maria Pós-de-Mina, presidente da Câmara de Moura, afirmou que embora existam ainda alguns problemas, de carácter formal e burocrático, a serem resolvidos, a autarquia está a assumir a gestão daquele espaço.
In Rádio Planície.

Comentários recentes

  • Anónimo

    E o PS não se sente incomodado com a saúde no Dist...

  • Anónimo

    CIDADE DE PANHONHAS...

  • Anónimo

    Agora é passado, mais uma vez. A ULSBA não terá es...

  • Anónimo

    Fazendo uma análise mais profunda verificamos que ...

  • Munhoz Frade

    Sobre o anúncio da criação de Centros de Responsab...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds