Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

A quem serve a "confidencialidade" do processo?

No passado mês de Julho, o segredo era a alma do negócio.
Ontem, o CEO da Ryanair, respondendo a uma questão sobre o eventual interesse daquela companhia low cost em instalar-se no Aeroporto de Beja, disse: “(E Beja poderá estar no horizonte da Ryanair?) “Não, porque deveríamos considerar [Beja], quando há um terminal perfeitamente bom e vazio na Portela. Porquê considerar um aeroporto a duas horas e meia? Aí consideraríamos Faro”.

Pode ser que um dia alguém nos venha contar a verdadeira história das relações Ryanair/Aeroporto de Beja.

Copiado do Praça da República

Quercus alerta para “especial perigo” para Portugal da laboração da central nuclear de Almaraz

O presidente da Quercus alertou hoje para o “especial perigo” para Portugal da laboração da central nuclear de Almaraz em Espanha, junto ao rio Tejo, na província de Cáceres, considerando que o Governo espanhol cometeu um “erro grave” ao prolongar a vida daquela central nuclear por mais 10 anos, sabendo que a mesma já tinha atingido o fim de vida.

A Quercus vai participar, sábado, numa manifestação pelo encerramento da central nuclear de Almaraz, organizada pelo Movimento “Cerrar Almaraz” que congrega diversas associações

ambientalistas, tais como “Ecologistas en Acción”, Adenex” e Greenpeace, entre outras.

“PELO MELHORAMENTO E MANUTENÇÃO DOS COMBOIOS REGIONAIS NO RAMAL DE CÁCERES”

A petição “PELO MELHORAMENTO E MANUTENÇÃO DOS COMBOIOS REGIONAIS NO RAMAL DE CÁCERES”, lançada pelo Grupo de Amigos da Ferrovia do Norte Alentejano (GAFNA) foi assinada por 1.433 pessoas e já deu entrada na Assembleia da República.

Os comboios regionais no ramal de Cáceres foram suprimidos a 1 de Fevereiro deste ano pela CP que alegou razões de ordem económica.

Diga não à privatização da água!

José Maria Pós-de-Mina, presidente da AMGAP, avisa que independentemente do que possa acontecer com as Águas de Portugal, “as autarquias estão disponíveis para manter a parceria com o Estado, assim o Governo queira honrar o protocolo celebrado entre as duas partes”.

O presidente da associação, lembra que a Parceria Pública entre a AMGAP/ Águas de Portugal, em caso de privatização desta última, “só acaba se o Governo não quiser nomear outra entidade pública para a substituir”.

Bloco de Esquerda defende a realização de um referendo à privatização da empresa Águas de Portugal e entregou na Assembleia da República uma proposta nesse sentido, sendo que a iniciativa bloquista tem a forma de projecto de resolução a ser votado e deu entrada nos serviços do Parlamento na sexta-feira.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tristeza de comentário!

  • Anónimo

    Vamos lá ver como é que os nossos políticos e afin...

  • Anónimo

    Fartura de partidos! Tudo quanto é demais não pres...

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds