Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Ai os “nossos” bancos…

Portugal é o país da zona euro que regista o maior aumento na taxa de juro média dos novos créditos à habitação no último ano. Este aumento compara com subidas de 0,9 pontos percentuais (pp) na Grécia, 0,54 pp na Irlanda ou 0,88 pp em Espanha, países onde o sector bancário enfrenta igualmente dificuldades de acesso ao financiamento devido à crise de dívida soberana.

 

Depois admiram-se do aumento do crédito malparado e de coleccionarem casas, cujos proprietários não conseguem suportar os aumentos brutais das prestações, …

Utentes das automotoras entre Beja e Casa Branca protestam contra horários inadequados

A Linha do Alentejo reabriu no passado domingo e os horários da automotora que faz a ligação Beja-Casa Branca e vice-versa, adequados às ligações do Intercidades Lisboa-Évora-Lisboa, não servem os interesses dos utentes das localidades de Vila Nova de Baronia (na foto), Alvito, Faro do Alentejo e Cuba, que trabalham diariamente em Beja, existindo já casos de trabalhadores de empresas de Beja ameaçados de despedimentos por chegarem atrasados ao trabalho face aos horários das ligações ferroviárias. 

A CP "confirma" a recepção de reclamações E está a "estudar" alterações" nas ligações, argumentando que “teve em consideração no modelo de oferta” a necessidade de mobilidade regional dos clientes dentro do trajecto Casa Branca-Beja, são realizadas em úteis 9 circulações, 5 no sentido Casa Branca-Beja, 4 no sentido inverso e 2 ligações adicionais, 1 por sentido, entre Vila Nova de Baronia e Beja.

"Não será isto motivo de orgulho para todos os alentejanos?"

 

Há uns tempos um anónimo questionava aqui no acincotons sobre o que é que eu e o Lopes Guerreiro teríamos a dizer sobre o aeroporto de Beja. Na altura não respondi porque estava noutras andanças. Mas respondo agora: é uma obra bem vinda. A pista já lá estava, a sua utilização era só militar, a adaptação a aeroporto civil custou apenas uns trocos e já está a ser usado. Ainda ontem uma pessoa que conheço chegou ao aeroporto de Beja vinda de Londres para umas férias no Alentejo. Inglesa e com centenas de viagens de avião no curriculum disse-me que gostou muito do aeroporto e do voo e que foi uma maneira muito boa e a bom preço de chegar de Londres a Portugal. Um dos meus filhos (aliás nascido em Beja) partirá no final de Agosto de Beja para Londres, sem necessidade de se deslocar a Faro ou a Lisboa. Não será isto motivo de orgulho para todos os alentejanos?

Publicada por Carlos Júlio às 15:52

“Contabilistas” em vez de políticos

Quando mais precisávamos de ter políticos – verdadeiros estadistas nos governos nacionais e na União Europeia -, com sentido de Estado e visão estratégica, capazes de definir com clareza um desígnio para os territórios que governam e de mobilizar os seus povos para os alcançar, temos “contabilistas” (com o devido respeito para estes) a governarem-nos, focados nas contas, que não conseguem pôr em ordem. E pior ainda, nem sempre são as contas públicas que mais os determinam

Até voltarmos a eleger políticos “a sério”, em vez de “contabilistas” que só falam no défice, não temos razões para esperar melhores dias.

Comentários recentes

  • Anónimo

    Ora aqui está uma área em que os nossos autarcas s...

  • Anónimo

    Está tudo dito... nada a acrescentar! Incapacidade...

  • Anónimo

    "O Ministério do Planeamento anunciou esta quinta-...

  • Anónimo

    Se os autarcas locais , independentemente da cor p...

  • Anónimo

    Conordo em absoluto com o comentário anterior.O di...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds