Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

"Manuel da Fonseca: uma chicotada de vento" em Castro Verde

 

Esta exposição de Manuel da Fonseca mostra a vida e a obra de um dos escritores fundadores do Neo-Realismo, que publicou, quando o Neo-Realismo atinge a sua fase de maturidade, em meados/finais dos anos 50 do século XX, em 1958, uma das obras emblemáticas do Movimento: Seara de Vento, perseguida pela Censura do Estado Novo.

A exposição, organizada pela Câmara Municipal de Castro Verde em parceria com o Museu do Neo-realismo, abre hoje e mantém-se até ao dia 2 de Abril, na Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca.

 

Ovibeja promove I Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra

 

A organização da Ovibeja, em colaboração com a Casa do Azeite e apoio do Conselho Oleícola Internacional, criou este ano o I Concurso Internacional de Azeite Virgem Extra “Prémio Ovibeja”, a que serão admitidos apenas os azeites virgem extra que pertençam à campanha 2010/2011, com o objectivo de promover a cultura e a imagem do Azeite de Qualidade. Os prémios serão entregues no decorrer da Ovibeja. Ver regulamento do concurso aqui.

Com a criação deste Concurso, a organização da Ovibeja aposta também fortemente numa área de produção e de mercado em grande expansão no Alentejo, ao encontro do Cluster do Azeite despoletado, precisamente, pela ACOS. O Azeite vai estar em evidência na Ovibeja através de muitas outras acções, nomeadamente numa exposição interactiva, colóquios e debates, mostra e venda de azeites de grande qualidade.

Dedicada ao Ano Europeu das Florestas, a 28ª edição da Ovibeja, que se realiza entre 4 e 8 de Maio no Parque de Feiras e Exposições de Beja, tem uma perspectiva muito mais abrangente que a de um certame onde se mostram e promovem projectos de sucesso.

Será a reabilitação da ciclovia um projecto prioritário para Beja?

Como aqui alvitrei, a Câmara de Beja está a desenvolver um projecto de requalificação e valorização da Ciclovia Periférica que acompanha o IP2 desde as proximidades do Quartel Militar até ao desvio para a Base Aérea.

Sem pôr em causa o interesse de tal projecto, não posso deixar de questionar a sua oportunidade. Numa altura em que o Município atravessa graves dificuldades financeiras, em que alguns projectos foram abandonados, suspensos ou atrasados, será que a reabilitação da Ciclovia é de tal modo necessária e urgente que tem de ser feita agora? E que justifica que a Câmara assuma uma responsabilidade que era das Estradas de Portugal?

Poder-se-á dizer que tais decisões são determinadas pela possibilidade de financiamento do INALENTEJO, mas não seria possível transferir tal financiamento para outro investimento mais urgente e com maior impacto social?

Os tempos que vivemos são de “vacas magras” e todos os investimentos devem ser bem avaliados. Não se podendo fazer tudo o que se pretendia ou gostaria, é fundamental que se faça o que é mais necessário, urgente e com maior impacto social.

Aqui deixo estas minhas reflexões, que gostaria de ver debatidas, com vista a um melhor esclarecimento.

Comentários recentes

  • Ana Matos Pires

    Tem dias.

  • Anónimo

    Isso dependerá dos gostos e orientações pessoais! ...

  • Anónimo

    Concordo que a deslocação a Bruxelas possa provoca...

  • Anónimo

    A política é deveras interessante! Eu, ignorante m...

  • Ana Matos Pires

    Precisamos pois, com indicação precisa. Nunca deve...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds