Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Herdade de Arronches vai receber 60 búfalas

Uma herdade no concelho de Arronches vai receber uma criação de 60 búfalas para produção de queijo mozzarella, um projeto considerado inédito em Portugal, em pouco mais de 40 hectares” e onde vai criar, à partida, 10 postos de trabalho, num investimento que ronda 1,5 milhões de euros, aguardando uma resposta do PRODER.

Diogo Pereira, promotor da iniciativa, enalteceu a qualidade do queijo mozzarella na confeção de pizzas e em saladas, sublinhando ainda a importância nutritiva e saudável que o leite de búfala possui, e afirmou que espera vir a comercializar o queijo de mozzarella produzido em Arronches em Portugal e Espanha.

Quem explica o que se passa com o Aeroporto de Beja?

Notícias hoje divulgadas - Questões estruturais podem condicionar a fixação de investidores e “Temos a sopa na mesa, falta-nos a colher” -, exigem explicações do governo, que tutelou a construção do Aeroporto de Beja ou Terminal Civil da Base Aérea de Beja.

Quando terminam as “obras de santa Engrácia”, o que falta acertar com a Força Aérea para que possam ser utilizadas as suas necessárias infra-estruturas, quando se prevê estar concluído o processo de licenciamento são, entre outras perguntas que devem ter resposta rápida e concreta, de modo a viabilizar intenções de instalação de empresas.

Também é fundamental a informação da situação do parque industrial (ou empresarial) anexo ao Aeroporto, designadamente quando pode receber a instalação de empresas.

E, ainda, a questão da instalação de fábricas de componentes aeronáuticas em Évora precisa de ser justificada, tendo em conta que há especialistas que dizem que tal instalação só faz sentido junto de um aeroporto, devido às questões de transporte.

Comentários recentes

  • Anónimo

    São apenas recomendações e mais nada.O que é que q...

  • Anónimo

    Há, aí no problem, eles entendem todos bem.Se for ...

  • Anónimo

    Os deputados vão de férias descansados. Quem fica ...

  • Anónimo

    É evidente que é bom negócio. A questão é quando p...

  • Anónimo

    Para os seres humanos a saúde faz parte do seu bem...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds