Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Faleceu Fernando Servo

Faleceu Fernando António da Silva Servo, cujo funeral se realizou esta manhã, em Pedrógão do Alentejo, concelho de Vidigueira, localidade onde residia. Nasceu em Lisboa em 1934.
Caldeireiro de profissão foi candidato à Câmara da Vidigueira pelo Bloco de Esquerda nas penúltimas e últimas eleições autárquicas, depois de ter sido militante e dirigente regional do PCP durante muitos anos. Foi ainda presidente do Sindicato dos Metalúrgicos de Lisboa, nos anos 70, e presidente da Federação dos Reformados Pensionistas e Idosos do distrito de Beja.

 

Fernando Servo era um homem generoso e voluntarista, muito empenhado nas causas em que acreditava. À família enlutada apresento as minhas condolências.

Toda a Biodiversidade deste Alentejo na 27ª OVIBEJA

A 27ª OVIBEJA celebra o Ano Internacional da Biodiversidade com uma exposição temática e interactiva sobre a diversidade natural no Alentejo. Uma mostra que apresenta o Homem, o homem do campo, como fiel da balança neste precário equilíbrio resultante da coexistência humana com as demais espécies, nos diversos ecossistemas naturais.

A exposição interactiva incide essencialmente sobre o “mosaico agrícola” da região alentejana, alertando para a riqueza da diversidade natural que está subjacente a culturas como o olival, a vinha, os cereais e o montado, que é o exemplo acabado de uma agricultura sustentável e, do ponto de vista ecológico, equilibrada.

O agricultor como guardião da ruralidade e como agente decisor na manutenção dos equilíbrios e na preservação do meio ambiente é, por conseguinte, o anfitrião desta exposição que conduz os visitantes numa viagem pela paisagem natural alentejana, interagindo com uma vasta diversidade de espécies de fauna e flora.

Através do um conjunto de actividades dinâmicas, que obrigam a entender o Homem como parte integrante da Natureza, o visitante da exposição sobre a Biodiversidade no Alentejo vai calcular a sua própria “pegada ecológica” e perceber como pode reduzir ou compensar o seu impacto no meio ambiente.

A Exposição desenvolve-se através de um percurso organizado que contextualiza outros produtos e actividades existentes na 27ª OVIBEJA. Trajecto onde as raças de animais domésticos autóctones merecem especial atenção. O mesmo acontece com os produtos regionais de qualidade, como o vinho, o queijo, o pão ou o azeite. A fileira do azeite, aliás, continua a merecer forte destaque na 27ª OVIBEJA com a reabertura ao público do Pavilhão AzeiteAlentejo.

“A Terra A Quem a Trabalha” - reportagem da TSF

As memórias da reforma agrária ainda estão bem vivas nos campos do Alentejo.

Trinta e cinco anos depois da campanha de ocupação de terras, é importante resgatar as memórias das pessoas que deram corpo a um movimento que abriu brechas na sociedade portuguesa. Tanto tempo depois, ainda há paixão na voz de quem ajudou a levantar do chão mais de quinhentas Cooperativas ou Unidades Colectivas de Produção, e alcançou direitos numa área onde não existia qualquer legislação laboral. Mas o mais importante, consideram os protagonistas da reforma agrária, foi conquistarem a dignidade de se sentirem donos do seu destino.

“A Terra A Quem a Trabalha” é uma reportagem de Carlos Júlio, com sonoplastia de Luís Borges, que pode ser ouvida aqui.

Comentários recentes

  • Anónimo

    O hospital do Litoral Alentejano tem aprovado um i...

  • Anónimo

    Deve haver algum ruído de fundo e bem forte, ou en...

  • Anónimo

    Não sei?Mostre lá um único estudo ambiental sobre ...

  • Anónimo

    Tão mauzinho!

  • Anónimo

    O Grupo que controla a UCASUL quer criar uma nova ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds