Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Começaram hoje as comemorações do centenário da República

Começaram hoje, no Porto, as comemorações do centenário da República - na data que coincide com a “Intentona de Golpe Republicano”, realizada no Porto a 31 de Janeiro de 1891 -, com o hastear da Bandeira, ao som de “A Portuguesa”, intervenção do Presidente da República e do Presidente da Comissão Nacional para as Comemorações do Centenário da República. Fica também patente ao público, a partir de hoje, no Centro Português de Fotografia do Porto, a exposição “Resistência. Da Alternativa Republicana à Luta contra a Ditadura (1891-1974)”.

No âmbito das comemorações entrou em itinerância a exposição “Viva a República!”, que percorrerá cerca de 150 concelhos de todo o País, a partir do primeiro trimestre deste ano, e permanecerá durante 2010 em digressão, constituída por uma viatura adaptada complementada com duas tendas de apoio, para instalar numa zona central e de fácil acesso à população, devendo permanecer em cada local entre dois a tês dias.

“Contra Tempos"

é o nome da peça de teatro que o Projecto Ruínas apresenta este sábado, no Cineteatro Municipal de Serpa, inserida no Ciclo Novos Palcos, uma colaboração entre a Câmara Municipal de Serpa e a Baal17.

Moura coopera com Bissau

A Câmara Municipal de Moura estabeleceu uma plataforma de aprofundamento do protocolo de geminação que mantém com a Câmara de Bissau, celebrando um memorando de entendimento durante a visita de uma delegação municipal à Guiné-Bissau que decorreu de 25 a 27 de Janeiro. O memorando de entendimento estabelecido entre as duas câmaras prevê concentrar os apoios a Bissau na área das energias renováveis, na formação profissional de funcionários guineenses e no apoio à frequência de ensino profissional e universitário em Portugal.

A comitiva mourense foi recebida pelos ministros das Finanças e da Administração do Território do governo guineense e pelo embaixador português na Guiné-Bissau, tendo ficado agendada para o próximo mês de Maio, a coincidir com a realização da Olivomoura, a visita a Moura de uma delegação da Guné-Bissau com autarcas, empresários e bombeiros.

Para quando a reactivação do processo de geminação de Alvito, de Portugal, com Alvito, de Itália? Tendo sido, se a memória não me atraiçoa, apoiada na última campanha eleitoral autárquica por todas as candidaturas não haverá mais desculpas para que o processo não seja retomado.

João Cordovil nomeado presidente da CCDRA

A actual Direcção da CCDRA não foi reconduzida, conforme se previa, sendo substituída, ao que consta, por João Cordovil, presidente, e Lina Jan e Florival Ramalhinho (?), vice-presidentes, estando prevista a sua entrada em funções já na próxima semana.

A confirmar-se a notícia, acentuar-se-á a perda de peso político da CCDRA, que se tem registado nos últimos anos, uma vez que todos os nomes falados são de técnicos da “casa”.

Continua por se saber quando será recomposta a Direcção do Inalentejo, que se encontra reduzida, devido à saída de António Serrano, para ministro da Agricultura, o pedido (estratégico?) de demissão de João Cordovil e, agora, a saída de Maria Leal Monteiro da presidência da CCDRA, que será substituída também neste Programa por João Cordovil.  

A luta pelos lugares vagos, de nomeação governamental, está a ser renhida no PS, quer a nível inter-regional quer de grupos, incluindo autarcas derrotados nas últimas eleições.

Também segundo consta, o presidente da CCDRA passará a ter uma dupla tutela – Ministérios do Ambiente e da Economia -, devido à passagem do QREN para a alçada deste último, o que pode ser gerador de conflitos institucionais, que não favoreçam nem a boa gestão da CCDRA nem do Inalentejo.

A dança de cadeiras (destas e de outras) e a (re) arrumação da “casa” – estrutura orgânica do governo – podem conhecer um avanço na próxima segunda-feira, com a realização de um conselho de ministros extraordinário, para assinalar os primeiros cem dias deste novo governo de José Sócrates, com apoio parlamentar minoritário do PS.

Alentejano vai jogar no Bolívar, campeão de futebol da Bolívia

Nascido há 22 anos na pequena aldeia de Gasparões, no concelho de Ferreira do Alentejo, André Martins já jogou em pontos tão distintos do mundo como Portugal, Inglaterra, Bulgária, México, Venezuela e, desde há dias, Bolívia, onde vive desde há dias em La Paz, a capital, e onde vai jogar no campeão Bolívar, depois de nos últimos seis meses ter representado os venezuelanos do Caracas FC [clube cuja camisola enverga na fotografia].

Em grande entrevista ao “CA”, o jovem avançado que se pode tornar no primeiro português a jogar na mítica “Copa” dos Libertadores e revelou a ambição de chegar a um grande europeu e à Selecção Nacional.

Ministro da Agricultura visita Cooperativa de Moura e Barrancos

António Serrano, vai estar em Moura, amanhã, pelas 11 horas, para conhecer de perto a realidade olivícola da nossa região, numa visita às instalações da Cooperativa Agrícola de Moura e Barrancos, com 1.200 olivicultores e que apostou recentemente na melhoria das suas instalações, tendo aumentado a sua capacidade de recepção de azeitona.

COTR passa para a gestão da EDIA

O ministro da Agricultura revelou que o futuro do Centro Operativo de Tecnologia e Regadio (COTR), está garantido, indo a gestão passar para a área de EDIA e assim puder ser uma entidade mais ligada ao sector do regadio e prestar os serviços necessários aos agricultores.

António Serrano, justificou que sendo o Ministério da Agricultura o “principal suporte financeiro do COTR”, era ao Governo que competia “encontrar a melhor solução para viabilizar aquela infra-estrutura.

Pedro Raposo de Almeida dirige Núcleo de Investigação do Fluviário de Mora

O investigador do Centro de Oceanografia e docente da Universidade de Évora Pedro Raposo de Almeida é o primeiro director da Comissão Científica do Núcleo de Investigação do Fluviário de Mora (NIFM)..

A Comissão Científica do NIFM, formada a 21 de Janeiro, é também composta por José Manuel Ribeiro Pinto, da Câmara Municipal de Mora, Bernardo Quintella, investigador do Centro de Oceanografia da Universidade de Lisboa, e Ana Canas e João Pimenta Lopes, pelo Fluviário de Mora.

Pág. 1/14

Comentários recentes

  • Anónimo

    Tristeza de comentário!

  • Anónimo

    Vamos lá ver como é que os nossos políticos e afin...

  • Anónimo

    Fartura de partidos! Tudo quanto é demais não pres...

  • Anónimo

    Tem razão! No entanto é necessário não perder voz,...

  • Anónimo

    Foram buscar o antigo imperador JR .....dizem que ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds