Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Câmara de Serpa instala energia alternativa em escolas e equipamentos

A Câmara Municipal de Serpa, no âmbito do Projecto “Serpa, Forte na Energia” está a instalar unidades de microprodução fotovoltaica e ter-acumuladores nos equipamentos municipais e no parque escolar do Concelho: em Serpa na Escola Básica, Pólos 1 e 3, Jardim de Infância - Pólo 4, Casa do Jardim e Parque de Campismo; em Vila Verde de Ficalho no Jardim de Infância e no Campo de Futebol; em Vale de Vargo e Vila Nova de São Bento nas EBI, e em Brinches no Jardim de Infância.

Recuperação do Castelo de Sines e sua envolvente vence Prémio IHRU 2009

A recuperação do conjunto urbano do Castelo de Sines venceu o Prémio IHRU 2009 na categoria ”Reabilitação Integrada de Conjuntos Urbanos”

Atribuído pelo Instituto da Habitação e da Reabilitação Urbana (IHRU), o prémio reconhece a excelência de um conjunto de intervenções promovidas pelo município de Sines no Castelo e envolvente, nomeadamente, a recuperação dos edifícios interiores para instalação do Museu de Sines, com projecto e coordenação do arquitecto Ricardo Estevam Pereira e co-financiamento do Programa Operacional da Cultura.

O município de Sines já tinha sido agraciado com a versão anterior do prémio (Prémio INH – Instituto Nacional de Habitação), que em 2005 distinguiu o Bairro Municipal da Floresta como o melhor projecto na categoria “Promoção Privada”.

Museu da Casa do Arco inaugurado em Vila de Frades

Coincidindo com a realização da Vitifrades - Festas Báquicas, foi hoje oficialmente inaugurado o Museu da Casa do Arco, um espaço destinado à exposição permanente dos materiais provenientes das escavações arqueológicas de S.Cucufate.

A abertura da Casa do Arco vem no seguimento de um projecto há muito pensado, em articulação com o sítio arqueológico, e que, de acordo com Luís Amado “ vai tomar um novo rumo graças ao empenhamento da Câmara Municipal da Vidigueira e da Junta de Freguesia de Vila de Frades na disponibilização de meios e recursos humanos para que os mesmos funcionem com regularidade.

Comentários recentes

  • Anónimo

    O hospital do Litoral Alentejano tem aprovado um i...

  • Anónimo

    Deve haver algum ruído de fundo e bem forte, ou en...

  • Anónimo

    Não sei?Mostre lá um único estudo ambiental sobre ...

  • Anónimo

    Tão mauzinho!

  • Anónimo

    O Grupo que controla a UCASUL quer criar uma nova ...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds