Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

AMALGA elegeu os novos órgãos sociais

A eleição efectuada ontem, na primeira reunião da Assembleia Intermunicipal, realizada depois das eleições autárquicas e os órgãos ficaram assim constituídos por representantes dos municípios: Mesa da Assembleia Intermunicipal - Ourique, o presidente, Barrancos, o vice-presidente, e Moura, o secretário; Conselho Executivo - Castro Verde, o presidente, e Beja, Serpa, Mértola e Almodôvar, os quatro vogais.

“O último bandeirante”

O livro de Pedro Pinto é apresentado hoje, às 21h30, na Biblioteca Municipal José Saramago, no âmbito da iniciativa “Conversas com B de Beja”. O autor, jornalista e coordenador e apresentador do Jornal Nacional da TVI, vai falar com a população da cidade sobre o seu romance de estreia e a personagem que escolheu para a sua obra, ou seja, o bandeirante, que considera também o último aventureiro, aquele que “desafiou a história e que fez uma viagem extraordinária desbravando território desconhecido”.

Afinal, parece que PP não liga tanto à “lavoura” como afirma…

A Associação de Agricultores do Baixo Alentejo (AABA) lamenta que “o Partido Popular (PP) tenha recusado a presidência da Comissão Parlamentar da Agricultura”, órgão que considera “fundamental para a dinamização e fiscalização das políticas do Governo para o sector, na presente legislatura, por se tratar do partido que durante o último ciclo eleitoral utilizou como bandeira política o sector agrícola”.

Quem é que me explica o que são?

Julgo que serão cogumelos.

Mas serão mesmo?

E se são de que espécie são,

comestíveis ou venenosos?

Encontram-se muitos na Serra,

a ladear a Estrada da Serra (entre Alvito e Vila Nova da Baronia),

no limite entre o alcatrão e aterra das bermas,

como se pode ver pelas fotografias.

Que razão explica que surjam e rebentem neste local?

Comentários recentes

  • Anónimo

    Segundo os mesmos dados:Em Novembro, houve um desa...

  • Anónimo

    Por isso mesmo, é que você desconfia!As fake news ...

  • Anónimo

    Só agora ? Luis Dargent há muito que se devia ter ...

  • Anónimo

    Aproveitamento de cargos que exercem no movimento ...

  • Anónimo

    Olá tenho 2filhos e não tenho casa estou a receber...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds