Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Alvitrando

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Aqui se dão alvíssaras e trocam ideias sobre temas gerais, o Alentejo e o poder local, e vou dando notícias das minhas reflexões sobre temas da actualidade e de acontecimentos que achar que devem ser divulgados por esta via.

Órgãos Sociais da Casa do Povo de Vila Nova da Baronia

recém-eleitos, segundo comentário aqui deixados:

Mesa da Assembleia Geral
Presidente: Joaquim Bernardino Fialho Marques
1º. Secretário: António Joaquim Heitor Coelho
2º. Secretário: Carlos Vicente Máximo de Carvalho

Direcção
Presidente: João Manuel Alves de Carvalho
Vice-Presidente: Joaquim Manuel Trindade Quaresma
Secretário: Cláudia Isabel Coelho Quintas Mendes
Tesoureiro: Maria Odete Carrasco Coelho
Vogal: José António Vasco Calca Silvério

Conselho Fiscal
Presidente: Francisco José Figueiredo Serrano
1º. Vogal: José Luís Maurício Dores Tapisso
2º. Vogal: Joaquim Manuel Justino Coelho

"FIALHO"

é o título de um livro, da autoria de Alberto Franco e José Manuel Rodrigues, sobre o restaurante Fialho de Évora (que começou por ser uma tasca), a família Fialho e a história de Évora nas últimas décadas, com muitas receitas que tornaram célebre este "templo da melhor gastronomia alentejana".

A apresentação vai ser feita pelo presidente da PT, Henrique Granadeiro (que assina a introdução), em Lisboa, às 18 horas, hoje, dia 5 (FNAC Colombo) e amanhã, dia 6 (FNAC Chiado).

Em Santiago de Cacém a CDU recusa o que defendeu em Mértola

A Junta de Freguesia de Santiago do Cacém ainda não foi eleita por falta de entendimento dos partidos. A CDU defende que, de acordo com os resultados eleitorais, deve ter maioria na Junta de Freguesia, contra a vontade dos restantes partidos (PSD, PS e BE), que defendem a representação de todas as forças políticas naquele órgão da Freguesia.

Ou seja, a CDU recusa em Santiago do Cacém o que defendeu em Mértola. A CDU ainda é uma coligação ou já é apenas um movimento de independentes, que não nem de ter uma posição coerente em todas as autarquias?

Comentários recentes

  • Anónimo

    A ilegalidade foi resolvida...da noite prp dia...a...

  • Anónimo

    o homem tirou um MBA no Politecnico de Santarem !!...

  • Anónimo

    Mas um secretário de estado é engenheiro de Evora ...

  • João Espinho

    @Anónimo 23.10.2019 14:07 - não diga uma coisa de...

  • Anónimo

    em meia duzia de frases retrata fielmente o consul...

Mais sobre mim

foto do autor

Sigam-me

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

subscrever feeds